Futebol/Campeonato Carioca - ( - Atualizado )

Sem Engenhão, Bolívar quer manter aproveitamento na Taça Rio

Rio de Janeiro (RJ)

Com o adiamento da partida contra o Friburguense, anteriormente marcada para esta quinta-feira, o Botafogo realizou treinamento em General Severiano visando o clássico contra o Vasco, transferido para a próxima quarta-feira. De fora da atividade para fazer trabalho específico na academia do clube, o zagueiro Bolívar lamenta o fato de o Glorioso não poder atuar no Engenhão, mas garante que a equipe irá manter o bom aproveitamento em casa independente do local onde jogue.

"Sabemos que Engenhão é a casa do Botafogo. As estatísticas não deixam mentir, temos um desempenho muito bom. Mas queremos conquistar a Taça Rio e não é o estádio que vai tirar nossa vontade e empenho. Independentemente de onde formos jogar, vamos desempenhar o nosso melhor", garante o camisa 4.

Pronta para encarar o Friburguense, o elenco botafoguense foi surpreendido com a notícia da interdição do Engenhão e do adiamento da partida. Com isso, as atenções voltaram-se para o clássico com o Vasco, também adiado, que será disputado na próxima quarta-feira.

Satiro Sodré/AGIF
Xerifão Bolívar não pisou no gramado e fez apenas atividades na academia no treino desta quinta-feira
"A preparação, sendo Friburguense ou Vasco, é a mesma. Nosso grande mérito na Taça Guanabara e nesse início da Taça Rio foi respeitar os adversários, procurar dar o melhor sempre. Tendo esse tempo de trabalho e recuperação vai ser muito boa. É se dedicar, passar este fim de semana e esperar o clássico”, completa Bolívar.

Neste ano, as duas equipes fizeram a final da Taça Guanabara. Com gol de Lucas, o Botafogo levou a melhor e iniciou crise no rival que culminaria na demissão do técnico Gaúcho, na última semana. Para Bolívar, o fato é um incentivo a mais para os dois times.

"Torna-se um jogo muito perigoso, pela importância que vai ter para as duas equipes. Nós podemos chegar perto da classificação, o Vasco ainda quer buscar. Sabemos como é complicado enfrentar um time que vem de resultados negativos. E essa equipe já nos deu muitas dificuldades na decisão", lembra.

Além de Bolivar, Seedorf e Lodeiro passaram a manhã desta quinta na academia. Já os goleiros fizeram treinos específicos, enquanto o restante da equipe realizou treino físico e fortalecimento muscular no gramado. A atividade contou com a participação do zagueiro Antônio Carlos, longe de partidas há cerca de um mês, devido a estiramento muscular na coxa esquerda.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade