Atletismo/Maratona de Boston - ( - Atualizado )

Presidente da IAAF presta condolências após explosões em Boston

Boston (Estados Unidos)

A Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF) se pronunciou sobre o incidente ocorrido na Maratona de Boston, nos Estados Unidos, através do presidente da entidade, Lamine Diack. O dirigente prestou condolências às vítimas e familiares, além de lamentar esse tipo de episódio.

“Nossa associação lamenta a perda de pessoas em Boston e apresenta sua profunda condolência às famílias. Nossos pensamentos estão com eles e com o grande número de feridos”, declarou Diack.

O presidente da IAAF também se colocou a disposição dos organizadores da Maratona de Boston. “Nós estamos firmes com os organizadores da corrida de Boston, a mais antiga existente, e com as pessoas no momento da tragédia. Nós condenamos esse ataque sem sentido algum”.

AFP
Tragédia nos Estados Unidos comoveu diversas pessoas envolvidas com o esporte (Foto: Alex Trautwig)

Diack ressaltou o espírito esportivo que costuma prevalecer em eventos como esse, o que o deixa ainda mais perplexo com o incidente ocorrido em Boston. “O que torna o incidente tão vil e o seu planejamento de modo incompreensível é que as maratonas de todo o mundo são cercadas de atos de bondade e generosidade”, ressaltou.

“Milhões de dólares são levantados para caridade todos os anos por participantes de corridas de rua. Os eventos em si são organizados por milhares de voluntários que doam seu tempo livre. Além disso, as ruas estão cheias de espectadores que desejam simplesmente aplaudir, incentivar e abraçar o esforço humano”, acrescentou o presidente da IAAF.

O dirigente não imagina justificativas possíveis para um ato como este. “Não há nenhuma causa que justifique essas explosões em Boston, elas doem em todos nós”, encerrou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade