Atletismo/Maratona de Boston - ( - Atualizado )

Um dos suspeitos de atentado em maratona é morto pela polícia

Boston (Estados Unidos)

A polícia norte-americana anunciou, através do chefe de segurança de Boston, Ed Davis, que um dos suspeitos do atentado na Maratona de Boston, foi morto após perseguição na madrugada desta sexta-feira, na região de Watertown. O segundo suspeito segue foragido.

As imagens de Dzhokhar A. Tsarnaev, de 19 anos, e de Tamerlan Tsarnaev, de 26, foram divulgadas pelo FBI nesta quinta. Segundo apuração da imprensa dos Estados Unidos, os dois seriam irmãos, de nacionalidade chechênia. O mais velho, que usava o boné preto nas imagens fornecidas pelo FBI, foi identificado como o suspeito número um, morto na tentativa de fuga.

AFP
Operação da polícia norte-americana foi responsável pela morte de um dos suspeitos e a prisão do segundo

A polícia local montou uma grande operação para prender os suspeitos, com a presença do esquadrão antibombas, veículos blindados e helicópteros. A movimentação assustou a população local, que foi orientada a permanecer em casa durante os trabalhos de busca dos agentes na região.

Na manhã desta sexta, a informação de que o segundo suspeito teria sido detido rondou a imprensa local, mas as autoridades afirmaram se tratar de um alarme falso. A busca pelo suspeito de 19 anos segue em Boston. 

Na última segunda-feira, a tradicional Maratona de Boston terminou de forma trágica com a explosão de duas bombas, perto do local da chegada, o que provocou a morte de três pessoas, dentre elas uma criança. Mais de uma centena de pessoas ficaram feridas e diversas delas tiveram os membros amputados.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade