Futebol/Copa do Mundo de 2014 - ( - Atualizado )

Aldo Rebelo mostra confiança em conclusão de obras para Copa de 2014

Bruno Oliveira, especial para a GE.NET São Paulo (SP)

Detentor de 12 cidades sedes para a Copa do Mundo de 2014, o Brasil segue com obras incompletas em nove dos 12 estádios que receberão jogos da competição organizada pela Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa). No entanto, o Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, visitou a Arena Corinthians, nesta quinta-feira, e mostrou tranquilidade ao analisar o andamento dos projetos.

Além da Copa do Mundo, o País receberá a Copa das Confederações, que será realizada entre 15 e 30 de junho deste ano. O evento reunirá oito seleções, incluindo a do Brasil, e será disputado em seis cidades. A Arena Fonte Nova, na Bahia, o Mineirão, em Minas Gerais, e o Castelão, no Ceará, já estão prontos para a competição.

“Fortaleza, Salvador e Belo Horizonte já entregaram seus estádios. Recife entregará sua arena em maio, enquanto Brasília e Rio de Janeiro finalizarão as obras ainda em abril. Teremos seis estádios concluídos para este evento. Os outros seis têm previsão de entrega para até dezembro de 2013”, explicou o Rebelo.

A cidade de São Paulo, local de abertura do evento, em 12 de junho, chegou a ser cogitada para ser retirada do evento. A Arena Corinthians enfrentou entraves financeiros com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o ex-presidente do clube alvinegro, Andrés Sanchez, afirmou que o estádio poderia ficar de fora da competição se a pendência não fosse resolvida rapidamente.

“O Governo já colocou à disposição os recursos do BNDES. Os detalhes para liberação desses recursos estão em sua fase conclusiva. Não vejo risco de paralisar as obras. Pelo contrário, a construção segue em ritmo acelerado e teremos um estádio pronto, dentro do prazo, para Copa de 2014”, completou o Ministro dos Esportes.

O Mundial do próximo ano será realizado entre 12 de junho e 13 de julho. Está previsto que a Arena Corinthians, em São Paulo, realizará a abertura, enquanto o Maracanã, no Rio de Janeiro, sediará a final. Cuiabá, Curitiba, Manaus, Natal e Porto Alegre também receberão jogos do evento.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade