Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

América-MG supera Gurupi-TO, mas faz jogo de volta no Independência

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O América-MG estreou bem na Copa do Brasil. Venceu o Gurupi-TO, por 3 a 2, nesta quarta-feira, no Estádio Gilberto Rezende Rocha, resultado que não garantiu classificação direta para a próxima fase, mas deu boa vantagem para os americanos. O destaque do jogo foi atacante Fábio Júnior, que marcou dois gols.

Nikão em cobrança de falta com a canhota abriu os trabalhos em Tocantins. Os donos da casa empataram com Ricardo Urubu aproveitando vacilo do sistema defensivo americano. A partir daí, brilhou a estrela do experiente Fábio Júnior, que mostrou o faro de gol, anotando mais dois tentos para o Coelho. No segundo tempo, o Cameleão aproveitou a vantagem no número de jogadores em campo e diminuiu o marcador.

Depois de estrear na Copa do Brasil, o Coelho dá um tempo na competição nacional e passa a pensar no Mineiro. No domingo, a equipe americana terá duelo decisivo contra o Villa Nova, no estádio Castor Cifuentes. As duas equipes querem chegar até semifinal do estadual. Já o Gurupi terá compromisso contra o Interporto, jogo marcado para sábado, no Rezendão.

O jogo – América-MG e Gurupi iniciaram a partida com equilíbrio das ações nos primeiros minutos, mas aos poucos, o Coelho começou a ter mais posse de bola e a criar boas oportunidades de abrir o placar. Atuando em casa, o Gurupi procurou atuar com as linhas de marcação bem compactadas, saindo nos contra-ataques, estratégia que gerou algumas chances interessantes para os tocantinenses.

Com pouco espaço, o Coelho tentou explorar as jogadas pelas laterais do campo, na tentativa de encontrar o avante Fábio Júnior dentro da área, mas a zaga do Gurupi levou a melhor na maioria das vezes. Dessa forma, a ligação direta da defesa para o ataque passou a ser usada pelos americanos, também sem sucesso.

De tanto insistir, o América-MG conseguiu chegar ao gol em jogada de bola parada. Aos 18, o meia-atacante Nikão mandou um verdadeiro petardo em cobrança de falta com a canhota, acertando o canto do goleiro Ruan, que não conseguiu alcançar. O Camaleão sentiu o gol dos mineiros e passou a errar muitos passes, dando chances para os alviverdes ampliarem o marcador.

O Gurupi só acordou no jogo aos 25, quando o atacante Héder obrigou Neneca a fazer grande defesa, evitando o empate. O lance motivou os donos da casa, que chegaram a igualdade. Aos 28, a defesa do América-MG vacilou com um erro de passe, e Ricardo Urubu antecipou o zagueiro Everton Luiz e fuzilou o goleiro da equipe mineira para deixar tudo igual no placar.

A resposta americana não demorou e apareceu com o avante Fábio Júnior, que aproveitou cruzamento de Rodriguinho e recolocou o Coelho em vantagem no marcador. Antes do intervalo, o matador alviverde voltou aparecer bem no jogo, e aos 43, Fábio Júnior recebeu assistência de Doriva e finalizou para o gol de Ruan, que chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar o terceiro tento dos visitantes.

O panorama da etapa complementar mostrou o América-MG com as rédeas do jogo, mas com apagões que permitiram ao Gurupi criar boas chances de marcar. Em uma destas bobeadas do Coelho Juninho tentou sair jogando e perdeu a bola, Thomas saiu na cara de Neneca, que fez ótima defesa para evitar o gol.

O cenário da partida só começou a mudar quando o América-MG perdeu o armador Willians, que recebeu cartão vermelho. Com isso, o Coelho recuou as linhas de marcação e passou a sofrer pressão, até que aos 26, o Camaleão conseguiu diminuir o marcador em lance que o goleiro Neneca não conseguiu cortar o cruzamento.

Salgueiro x Boa Esporte: O Boa Esporte não resistiu a força do Salgueiro atuando no estádio Cornélio de Barros, e acabou derrotado pelos pernambucanos por 2 a 0, na estreia na Copa do Brasil. Aos cinco minutos do primeiro tempo, Fabrício quase marcou para o Salgueiro, o goleiro da Coruja do Sul de Minas deu rebote, e Elvis apareceu para mandar para as redes do Boa Esporte.

No segundo tempo, o Salgueiro ampliou a vantagem. Aos nove minutos, Douglas não segurou com firmeza cobrança de falta, soltando nos pés de Pio, que não titubeou e anotou o segundo tento do Carcará. O jogo de volta será na próxima quarta-feira, em Varginha, e o Salgueiro pode até perder por um gol de diferença.

O técnico Sidney Moraes preferiu priorizar o Campeonato Mineiro, por isso, escalou uma equipe mesclada, deixando jogadores experientes como Marcelinho Paraíba, Radamés e Betinho em Varginha. O time boveta vai receber no domingo, o América-TO no estádio Melão, em um confronto direto para fugir do rebaixamento.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade