Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Apesar de rebaixamento, agente nega retorno de Júlio César ao Brasil

Londres (Inglaterra)

Rebaixado para segunda divisão do Campeonato Inglês com o Queens Park Rangers, o goleiro Júlio César tem futuro incerto na equipe londrina. No entanto, em entrevista ao site Calciomercato, o empresário do atleta, Josias Cardoso, praticamente descartou a possibilidade de seu cliente retornar ao futebol brasileiro.

“Irei para a Europa em duas semanas para falar com ele. Voltar ao Brasil? Não acredito nisso. Se o Queens Park Ranger quiser vendê-lo, ele ainda tem futuro no futebol europeu”, explicou.

Vinculado ao clube inglês até 2016, o goleiro já foi envolvido em rumores sobre possível interesse de equipes como Manchester United, Arsenal e Milan. Além disso, em julho do último ano, foi especulado para defender o Palmeiras, mas a negociação acabou não sendo concretizada. Com isto, o experiente atleta, de 33 anos, segue com possibilidades em aberto.

“Tudo o que eu disser sobre seu futuro é absolutamente prematuro. Ainda não há nada concreto”, completou Cardoso. “O Júlio quer atuar por um time que mostre foco nele. Quem estiver interessado terá de falar primeira como o Queens Park Rangers, clube com quem ele tem contrato até 2016”, encerrou.

Nesta temporada, Júlio César disputou 26 partidas pela equipe inglesa, sendo todas como titular. Apesar do rebaixamento, realizou boas atuações e foi convocado por Luiz Felipe Scolari para defender a Seleção Brasileira. Desde seu retorno ao time verde-amarelo, o goleiro foi titular nos amistosos contra Inglaterra, Itália e Rússia.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade