Futebol/Bastidores - ( )

Bernardo é espancado por suposto caso com mulher de traficante

Rio de Janeiro (RJ)

De volta ao Vasco da Gama no início deste ano após atuar pelo Santos em 2012, o meio-campista Bernardo tem passado por dias difíceis no Rio de Janeiro. Conforme divulgou o canal SporTV na noite desta quinta-feira, o atleta da equipe alvinegra teria se envolvido com a mulher do chefe do tráfico do Complexo da Maré, Marcelo Santos das Dores (Menor P), e acabou espancado e torturado na favela carioca no último domingo. A 21ª Delegacia Policial, em Bonsucesso, está investigando o caso.

Os rumores apontam que os problemas começaram quando traficantes viram o jogador e a mulher de Menor P, Dayana Rodrigues, se relacionando na Favela Salsa e Merengue. Na sequência, foram levados para uma casa na Vila do João, onde teriam sido torturados com choques elétricos e espancados. Dayana ainda levou sete tiros nas pernas antes de ser libertada e atendida no Hospital Santa Maria Madalena.

Bernardo, por sua vez, foi salvo por dois jogadores não identificados, sendo um de um clube paulista e outro de uma equipe carioca. Criados no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio de Janeiro, os jogadores conseguiram convencer os traficantes a preservarem a vida do meio-campista vascaíno.

O atleta está afastado dos gramados desde o último dia 13 de abril, quando sofreu lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo durante duelo com o Quissamã, pelo Campeonato Carioca. Vinculado ao Vasco da Gama até 2015, o meio-campista deve retornar aos campos em outubro deste ano.

Outra versão

Segundo o site Yahoo! Esporte Interativo, Bernardo aproveitou festa em uma boate na Barra da Tijuca na última terça-feira, dois dias após o suposto crime. Sem marcas de ferimentos, o atleta marcou presença em evento que contou com show de Naldo. O cantor, inclusive, nasceu no Complexo da Maré e já foi visto com Menor P.

Divulgação
Lesionado, o meio-campista Bernardo não entra em campo desde 13 de abril (Foto: Bia Figueiredo/Vasco)

Tags:

GENET

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade