Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Cuca deve mudar o Atlético-MG para o jogo contra o Arsenal

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Os jogadores do Atlético-MG se reapresentaram ao técnico Cuca nesta segunda-feira, após golearem o Tupi por 4 a 1, no último domingo. Os atletas que atuaram contra o Carijó fizeram apenas um trabalho regenerativo na academia da Cidade do Galo, já quem não participou do jogo contra o time de Juiz de Fora treinou com bola.

O zagueiro Leonardo Silva e o volante Pierre, que são considerados titulares, e não jogaram contra o Tupi treinaram com bola. O atacante Araújo se recuperou de estiramento na panturrilha esquerda e também treinou com bola. O meia-atacante Bernard, que sofreu uma luxação no ombro direito esteve na Cidade do Galo, e no final da tarde foi encaminhado para uma clinica para realizar exames.

Mesmo sem o resultado da ressonância magnética, o médico do Atlético-MG, Rodrigo Lasmar, já declarou que o prazo de recuperação do jogador é de cerca de três semanas, o que tira Bernard da primeira fase da Libertadores. Na quarta-feira, o Galo vai enfrentar os argentinos do Arsenal, no Independência, e a tendência é que Luan ocupe o lugar de Bernard.

Para duelar contra o Arsenal, o técnico Cuca fará pelo menos mais uma mudança na equipe. O volante Josué, que estreou bem com a camisa do Galo não pode atuar na Libertadores, com isso, o retorno de Pierre, que cumpriu suspensão no Mineiro é certo, formando a dupla de volantes com Leandro Donizete. Leonardo Silva também deve voltar ao time no lugar de Gilberto Silva.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade