Futebol/Campeonato Mineiro - ( - Atualizado )

Galo supera Tombense e amplia vantagem para chegar à decisão

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O Atlético-MG ainda não voltou a apresentar o futebol que encantou o Brasil no início da temporada, mas fez o suficiente neste sábado, para vencer o Tombense por 2 a 0, no estádio Almeidão e dar um grande passo para chegar a decisão do Mineiro e brigar pelo bicampeonato estadual.

O primeiro gol do jogo foi anotado pelo meia-atacante Luan, que pegou rebote do goleiro, após cabeçada de Alecsandro e estufou as redes do Almeidão. No segundo tempo, Leandro Donizete fechou o placar com chute de rara felicidade. Por ter feito melhor campanha na fase de classificação, o Galo pode até perder o jogo de volta por dois gols de diferença que avança para decidir o estadual.

Na sequência do Campeonato Mineiro, Atlético-MG e Tombense voltam a se enfrentar no jogo de volta pela semifinal do estadual, dia 5 de maio, no Independência. O Galo, porém, dá um tempo no estadual e passa a focar a Libertadores, na quinta-feira, os alvinegros enfrentam o São Paulo, pelas oitavas de final da principal competições de clubes das Américas.

O jogo – Mesmo atuando fora de casa, o Galo começou a partida dominando as ações, e quase abriu o placar com Alecsandro, que no primeiro minuto desviou cobrança de escanteio, assustando o goleiro Marcelo. Com os retornos de Tardelli e Bernard, o Atlético-MG voltou a ter qualidade no toque bola, envolvendo o time de Tombos em alguns momentos do jogo.

Apesar da maior posse de bola, o Galo teve dificuldades para furar o bloqueio da equipe da casa, que apostou nas jogadas de contra-ataques. Sem espaço, o meia-atacante Luan resolveu arriscar de fora da área, mas encontrou o goleiro do time de Tombos bem colocado para fazer a defesa.

Após os 20 minutos, o Tombense decidiu a adiantar as linhas de marcação, dando trabalho para defesa alvinegra. Com isso, a partida passou a ter um cenário de equilíbrio. Aos 26, o Galo aproveitou os avanços da equipe da casa e conseguiu emplacar uma ótima trama ofensiva, que terminou com a conclusão de Luan, que pegou rebote do goleiro, após cabeçada de Alecsandro e estufou as redes do Almeidão.

Com o gol, o Atlético-MG teve mais tranquilidade para girar a bola de um lado para outro, na tentativa de encaixar a assistência perfeita para dilatar o marcador. Com poucas alternativas, o time do técnico Marcelo Cabo tentava a todo o momento roubar a bola para chegar ao empate, o que prevaleceu até o fim do primeiro tempo.

Na volta para a etapa complementar, o Atlético-MG manteve o ritmo dos primeiros 45 minutos, ou seja, tocando a bola com tranquilidade, sem pressionar o time da zona da mata, que seguiu apostando nos erros do Galo para chegar ao empate. Dessa forma, o duelo entre o alvinegro e o Tombense, transcorreu sem muitos lances de emoção.

A primeira chance de real perigo do segundo tempo só surgiu aos 11, com chute cruzado de fora da área do lateral Beto, que obrigou Victor a se esticar todo para mandar para escanteio. O Galo deu a resposta na sequência, com troca de passes envolvente, mas com falha na conclusão da jogada, que ao menos serviu para acordar a torcida nas arquibancadas.

Discreto na partida, principalmente no segundo tempo, o atacante Diego Tardelli teve ao menos um chance clara de gol, com finalização cruzada, que passou muito perto da trave direita de Marcelo. No último quartil do jogo, o técnico Marcelo Cabo foi obrigado a colocar o Tombense para jogar no campo de ofensivo, criando, inclusive, oportunidades de igualar a contagem.

Insatisfeito com o desempenho do Atlético-MG em campo, o técnico Cuca reclamou bastante de seus comandados, cobrando uma marcação mais efetiva em cima dos atacantes da equipe visitante, que passou a ser mais agressiva que os atleticanos no final do jogo. Aos 36, no momento que o time de Tombos era melhor, o volante Leandro Donizete acertou um chute de fora da área, de rara felicidade, para fechar o marcador em 2 a 0 para o Galo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade