Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Jadson treina e é penúltimo a deixar campo, mas deve seguir fora

Tossiro Neto São Paulo (SP)

O meia Jadson se livrou de edema na coxa direita depois de quase uma semana e, na manhã desta sexta-feira, voltou a treinar com bola. Desfalque na vitória sobre o Atlético-MG, ele trabalhou ao lado do grupo reserva do São Paulo, que se prepara para a partida de domingo, contra o Mogi Mirim, fora de casa.

Apesar ter deixado o Reffis, seu retorno no fim de semana seria prematuro, e é provável que ele nem relacionado pelo técnico Ney Franco seja. Nesta manhã, ainda fez reforço muscular sob orientação do preparador físico Sérgio Rocha, sendo o último jogador a deixar o gramado. O zagueiro Rhodolfo fez o mesmo trabalho.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net
Meia deve ser poupado do jogo no interior paulista
Jadson – que se machucou no sábado passado, ao longo da derrota para o XV de Piracicaba, no Morumbi – deve voltar a atuar na quarta-feira, quando estará a serviço da Seleção Brasileira, diante do Chile, em amistoso no Mineirão.

Diferentemente dele, Luis Fabiano tem grande chance de jogar. A última atuação do atacante foi em 31 de março, em clássico contra o Corinthians, quando sofreu trauma na panturrilha esquerda. Nesta sexta, contudo, demonstrou boa movimentação em campo mais uma vez e deverá estar entre os 11 iniciais.

A atividade, no entanto, não deu muitas pistas a respeito da escalação. Enquanto a maioria dos titulares correu em volta do gramado – à exceção do goleiro Rogério Ceni e do meia Paulo Henrique Ganso, que fizeram reforço muscular –, os reservas foram distribuídos sem exatamente formarem equipes.

Com a melhor campanha da primeira fase garantida antecipadamente, o São Paulo enfrenta o Mogi Mirim às 16 horas (de Brasília) deste domingo, fora de casa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade