Futebol/Liga dos Campeões da Europa - ( )

Martínez atesta superioridade do Bayern e ganha camisa de Xavi

Munique (Alemanha)

Reserva da seleção espanhola, o volante Javi Martínez foi um dos jogadores mais importantes do Bayern de Munique na goleada aplicada sobre o Barcelona, nesta terça-feira, por 4 a 0. Logo após o apito final do primeiro jogo das semifinais da Liga dos Campeões da Europa, o camisa 8 do time alemão fez questão de trocar seu uniforme com o compatriota Xavi Hernández, que não conseguiu evitar a derrota e a iminente desclassificação da equipe catalã.

“Eu já vinha falando em pegar a camisa dele desde o começo da semana, porque tenho um carinho especial pelo Xavi”, comentou Javi Martínez, que não escondeu a preocupação com o jogo de volta: “Temos claro para nós que contra o Barcelona você não pode relaxar nunca. Olhe só o que aconteceu com o Milan. Agora vivendo e falando sobre o presente, estamos demonstrando que somos melhores”.

“Fizemos grandes partidas nesta temporada, porque estamos trabalhando demais. O Barcelona quase não teve oportunidades e nós soubemos jogar contra eles, tivemos uma estratégia que não permitiu que eles jogassem desde o nosso campo de defesa. Corremos muito, mas o importante é que soubemos enfrentar um adversário desse nível”, encerrou Javi Martínez, satisfeito pelo bom resultado construído em Munique.

Xavi, por sua vez, não contrariou o discurso do compatriota, garantindo que a superioridade do Bayern de Munique fez mesmo a diferença na Allianz Arena: “Fisicamente eles são mais fortes, mais altos, então souberam aproveitar essa diferença para vencer. Os dois primeiros gols vieram em bolas aéreas e, no ataque, ficamos imóveis, sem chances claras de gol. Enquanto isso eles aproveitaram as deles. Agora é pensar no Campeonato Espanhol”.

AFP
Xavi não conseguiu conduzir o Barcelona rumo a Wembley, palco da final, e já pensa no Campeonato Espanhol

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade