Futebol/Copa do Brasil - ( )

Neymar reclama de marcação adversária e defende atuação santista

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

Mesmo sem conseguir apresentar um grande futebol, o Santos venceu o Flamengo-PI, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, e se classificou para a segunda fase da Copa do Brasil. Irritado com a marcação adversária, o atacante Neymar reclamou de algumas faltas duras cometidas pelos nordestinos e lembrou do primeiro jogo entre as duas equipes, disputado na última quarta, em Teresina (PI).

“Foi difícil, eu já tinha falado que o time deles é forte. Eles estavam empolgados lá, com a torcida incentivando, (os marcadores) batendo para caramba. Hoje (quarta) eles bateram mais ainda, só que foram derrotados”, disse a Joia, para depois falar sobre a atuação santista.

Indagado se o Peixe teria deixado a desejar, perante a sua torcida, Neymar retrucou e destacou as dificuldades encontradas pelo time praiano na partida. “A gente começou a trabalhar a bola, quem vê de fora acha que é fácil, mas não é assim. Você precisa ter paciência para encontrar os espaços”, comentou.

Sobre o seu gol, nos minutos finais do confronto, o camisa 11 alvinegro enalteceu o início da jogada, com o meia Montillo, antes da definição do lance. “Foi uma ótima jogada do Montillo, em que eu dominei a bola, consegui passar por dois ou três marcadores e fiz o gol”, encerrou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade