Futebol/Liga dos Campeões da Europa - ( - Atualizado )

Presidente do Bayern culpa técnico por revés contra Barça em 2009

Munique (Alemanha)

Rivais nas semifinais da atual edição da Liga dos Campeões, Bayern de Munique e Barcelona já se enfrentaram no torneio continental durante a temporada 2008/2009, quando o clube catalão aplicou goleada por 4 a 0 no Camp Nou e empatou por 1 a 1 como visitante. No entanto, a derrota não desanima o presidente do Bayern de Munique, Uli Hoeness, que apontou o treinador Jurgen Klinsmann como um dos principais responsáveis pelo fracasso em território espanhol.

Naquela ocasião, o Bayern de Munique saiu derrotado por 4 a 0 ainda no primeiro tempo. Lionel Messi (duas vezes), Samuel Eto’o e Thierry Henry marcaram os gols do time comandado por Josep Guardiola. Pelo lado da equipe alemã, atletas como Breno, Zé Roberto, Ribéry, Schweinsteiger e Luca Toni estiveram em campo, mas nada foram capazes de fazer para evitar a derrota.

“É verdade que em 2009 tínhamos Ribéry e Luca Toni, mas também existe a questão de quem era nosso técnico naquele momento. Precisamos de um treinador de futebol de verdade”, afirmou Uli Hoeness em entrevista ao jornal Sport Bild.

Após aquela temporada, o Bayern de Munique quase chegou ao título europeu em 2009/2010, mas acabou derrotado pela Internazionale na final. No último ano, já comandado por Jupp Heynckes, nova derrota na decisão, desta vez diante do Chelsea, na Allianz-Arena. Agora, com resultados mais sólidos nos últimos anos, Hoeness confia na conquista do troféu continental.

“Jupp conhece a Liga Espanhola por dentro e por fora, não somente por sua passagem por lá, mas também pelo momento atual. Ele acompanha os jogos, por isso não causará surpresa. Tem uma grande personalidade e não precisa pedir conselhos para ninguém. Pode enfrentar isso sozinho”, encerrou Hoeness, exaltando o trabalho de Heynckes, que venceu a Liga dos Campeões em 1997/1998 sob o comando do Real Madrid.

O primeiro duelo entre Barcelona e Bayern de Munique será realizado no próximo dia 23 de Abril, às 15h45 (de Brasília), na Allianz-Arena, enquanto a decisão será em 1º de maio, no mesmo horário, no estádio Camp Nou. Na outra semifinal, Real Madrid e Borussia Dortmund lutam por uma vaga na final da Liga dos Campeões da Europa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade