Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Vilson passa por cirurgia no joelho e desfalca Palmeiras por um mês

São Paulo (SP)

Fernando Prass não é o único desfalque de última hora do Palmeiras para jogos decisivos no Paulista e na Libertadores. Vilson também se machucou na derrota para o Ituano, no domingo, e passou por artroscopia no joelho esquerdo na noite dessa segunda-feira. Desfalca a equipe por um mês.

A informação foi mantida sob sigilo no clube até a manhã desta terça-feira. O procedimento cirúrgico ocorreu no Hospital São Luiz, em São Paulo. O defensor terminou a partida em Itu reclamando de dores e o exame detectou um fragmento na cartilagem do joelho esquerdo.

O jogador já está fora do Campeonato Paulista mesmo que a equipe chegue às finais e também não terá condições de participar de nenhuma das duas partidas diante do Tijuana, do México, pelas oitavas de final da Libertadores. O camisa 15, cedido no início de fevereiro pelo Grêmio, tinha chances de ficar com a vaga de Mauricio Ramos.

Além de Vilson, Gilson Kleina já lamenta bastante o desfalque de Fernando Prass, que sentiu uma luxação no ombro esquerdo em Itu e ficará fora por, ao menos, seis semanas – não estará em campo nem na estreia do Verdão na Série B do Campeonato Brasileiro, em 25 de maio, contra o Atlético-GO.

Também estão no departamento médico os meias Patrick Vieira, com lesão na coxa esquerda, e Edilson, machucado no tornozelo direito, e o zagueiro Leandro Amaro, que trata de contusão no joelho esquerdo. Nenhum deles terá condição de enfrentar o Santos, no sábado, pelo Paulista, e as duas partidas contra o Tijuana, pela Libertadores.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Zagueiro não terá mais condições de jogar no Campeonato Paulista e é dúvida até para estreia na Série B

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade