Futebol/Taça Rio - ( - Atualizado )

Volta Redonda e Resende buscam garantir vaga em rodada decisiva

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

Consideradas as duas surpresas da Taça Rio, Volta Redonda e Resende podem definir, neste sábado, a classificação antecipada para as semifinais. As duas equipes entram em campo pela penúltima rodada. O Voltaço, segundo colocado do Grupo A com 12 pontos, três a menos que o Botafogo, recebe o Olaria às 16 horas (de Brasília) no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. No mesmo dia e horário, o Resende recebe o Audax, no Estádio do Trabalhador.

O Volta Redonda vai garantir a classificação em caso de uma simples vitória, pois não poderá, neste caso, ser alcançado pelo Nova Iguaçu, terceiro colocado com oito pontos e que no domingo encara o Botafogo. Caso seja derrotado, o Olaria pode ser matematicamente rebaixado para a Segunda Divisão.

O Olaria divide com o Quissamã, que no mesmo horário enfrenta o Vasco, a última colocação na classificação geral, que leva em consideração o somatório dos dois turnos e vale para efeito de rebaixamento. Ambos somam oito pontos, três a menos que o Duque de Caxias e o Macaé, piores colocado fora da zona de descenso. Em caso de derrota, com triunfo de Duque e Macaé, o Olaria estará rebaixado.

Na luta para fugir da degola, O Duque de Caxias visita o Boavista, em Saquarema, um pouco mais cedo, às 15h30 (de Brasília). Já o Macaé, recebe o Bangu, às 16horas (de Brasília), no Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé.

O Resende, destaque do Estadual na temporada, também pode garantir a classificação neste sábado. O time, segundo colocado do Grupo B com 12 pontos, um a menos que o Fluminense, recebe o Audax, que tem sete pontos, no Estádio do Trabalhador, em Resende, às 16horas (de Brasília). A equipe da casa precisa de um simples empate para garantir vaga nas semifinais.

Para fechar a rodada, mais um jogo movimenta o sábado às 16horas (de Brasília). Pelo Grupo A, o Friburguense recebe o Madureira no Estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo. As duas equipes não sonham com as semifinais e nem estão ameaçadas de rebaixamento.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade