Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Após reunião de cúpula, Nobre anuncia queda no preço dos ingressos

Estevão Taiar, especial para a Ge.Net São Paulo (SP)

Depois de protestos da torcida e do baixo público presente na estreia palmeirense na Série B, o presidente  Paulo Nobre anunciou nesta terça a queda no preço dos ingressos para os próximos dois jogos como mandante da Série B. Na vitória por 1 a 0 sobre o Atletico-GO, no último sábado, a diretoria do clube cobrou R$ 60 pela entrada na arquibancada e R$ 200 pela cadeira. A partida foi disputada no Novelli Júnior, em Itu, palco também dos próximos confrontos.

“Nos próximo jogo (contra o América-MG), vamos baixar o preço da arquibancada para R$ 40 e a numerada coberta para R$ 120. Na terça seguinte, o jogo é no começo da noite (contra o Avaí), o apelo fica menor. Para esse jogo especificamente, a arquibancada custará R$ 20 e a numerada será R$ 80”, disse, ressaltando que os sócios Avanti terão 50% de desconto.

Nobre revelou bastidores da mudança nos preços. Segundo ele, a decisão foi tomada depois de uma reunião com a diretoria do clube, que o convenceu do “erro” – nas próprias palavras do presidente - feito ao aumentar o preço dos ingressos.

“Quero deixar claro que essa diretoria não tem compromisso com um eventual erro. Nós sempre avaliamos todos os nossos atos. O jogo no interior tem um custo para o torcedor. (...) Fui convencido pela minha diretoria que precisávamos mudar isso”, afirmou. O mandatário disse que o preço dos próximos dois jogos servirá como uma experiência, e os resultados e a possível manutenção do valor serão avaliados posteriormente.

Na partida contra o Atlético-GO, 4.244 torcedores pagantes compareceram ao Novelli Júnior, gerando uma renda de R$ 121.975,00. Na noite desta terça, longe de casa, o Palmeiras enfrenta o ASA-AL pela segunda rodada da Série B.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade