Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Caramelo se define um lateral eficiente: "Não tem segredo"

Tossiro Neto Cotia (SP)

No discurso de Caramelo, o São Paulo não precisa mais se preocupar com a crônica deficiência pelo lado direito. O lateral recém-chegado entende não ser difícil atuar bem no setor em que se destacou ao longo do Campeonato Paulista.

"Meu diferencial foi aprender com o Roniery. Vi que não tinha segredo. Quando chegou minha oportunidade, aproveitei da melhor maneira possível", disse o jogador de 18 anos, citando como espelho um pouco conhecido ex-companheiro de Mogi Mirim, apenas sete anos mais velho do que ele.

Com Roniery, que se transferiu para o Paraná ao final da competição estadual, Caramelo aprendeu a dosar marcação e ofensividade. “Eu marco forte, ajudo atrás. E nas descidas ao ataque, procuro ser eficiente, fazendo o simples”, explica.

Foi sendo simples que o zagueiro Paulo Miranda, improvisado, ganhou a posição do lateral de ofício Douglas no ano passado. Nesta temporada, porém, diretoria e comissão técnica não querem mais tampões e buscam reforçar o elenco em todas as posições. Além de Caramelo, o clube pode contratar Cicinho, da Ponte Preta.

O acerto com o pontepretano é mais complicado, e Caramelo pode ter tempo para mostrar serviço nesta semana que antecede a estreia do São Paulo no Campeonato Brasileiro (no domingo, contra a Ponte Preta, em Campinas). Ou, no mínimo, ambientar-se ao novo ambiente, com estrelas como Rogério Ceni, Lúcio, Jadson, Paulo Henrique Ganso e Luis Fabiano.

"A ficha vai caindo no dia a dia. Mas também não posso ficar pensando muito nisso, senão não consigo trabalhar direito. Eu não esperava vir para cá, aconteceu de repente. Sei que tenho muito a crescer e, por ser novo, vou evoluir ainda mais", aposta.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade