Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Rodeado de incertezas, São Paulo encara recomeço diante da Ponte

Tossiro Neto Campinas (SP)

Ainda sem muito norte depois das frustrações no Campeonato Paulista e na Copa Libertadores, o São Paulo recomeça sua trajetória na temporada a partir das 16 horas (de Brasília) deste domingo. A estreia no Campeonato Brasileiro – rodeada de muitas incertezas – será em Campinas, diante da Ponte Preta.

O time não faz um jogo oficial desde o dia 8, quando caiu no torneio sul-americano e sete reservas foram afastados. De lá para cá, refugiou-se no CT das divisões de base, em Cotia, reforçado por jogadores da base e destaques do interior paulista, e fez apenas um amistoso contra o Londrina. Amistoso vencido, mas com uma formação não ideal, desfalcada.

A lista de desfalques começa por Rogério Ceni. Aos 40 anos, o goleiro e capitão, provavelmente em sua última temporada profissional, só treinou com bola uma vez depois da queda na Libertadores. Ele tem um trauma no pé direito, machucado no fim de março, e deu prioridade à fisioterapia. O zagueiro Rafael Toloi, com estiramento na coxa esquerda, também é baixa.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net
Time tricolor atuará com três desfalques em Campinas: Rogério Ceni, Rafael Toloi e Paulo Henrique Ganso
Paulo Henrique Ganso é outro que não joga. Além da lesão, o meia vai se casar na véspera da partida. Em contrapartida, o técnico Ney Franco, respaldado pela diretoria mesmo depois dos insucessos, terá o retorno de Osvaldo. O atacante se livrou das dores no quadril e reforça a equipe, deixando Maicon no banco de reservas, em uma escalação com Jadson como único meia.

O camisa 10, porém, também passará a ser ausência após a estreia. Convocado para a Seleção Brasileira, ele perderá as quatro rodadas seguintes, voltando à equipe somente ao término da Copa das Confederações. Ao lado de Osvaldo, foi um dos poucos jogadores poupados pela torcida, ao contrário de Luis Fabiano, que divide opiniões, inclusive na diretoria.

No dia em que anunciou a relação de encostados, o presidente Juvenal Juvêncio avisou que venderia o atacante se recebesse uma boa proposta no meio do ano. A declaração irritou o jogador, que, ainda durante o amistoso contra o Londrina, externou sua insatisfação, admitiu interesse de outras equipes e a possibilidade, de fato, de deixar o São Paulo.

Apesar da incerteza a respeito de seu futuro, Ney Franco o colocará em campo diante da Ponte Preta. A equipe campineira, onde Luis Fabiano foi revelado, vive fase bem diferente. Campeão do interior paulista, o time treinado por Guto Ferreira não tem problemas. A única alteração, por opção do treinador, deve ser a entrada de Magal na vaga de Alef.

Arte GE.Net
FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA X SÃO PAULO

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 26 de maio de 2013, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Furlan (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)

PONTE PRETA: Edson Bastos; Cicinho, Cleber, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Magal, Chiquinho e Ramírez; Rildo e William
Técnico: Guto Ferreira

SÃO PAULO: Denis; Douglas, Lúcio, Edson Silva e Carleto; Rodrigo Caio, Denilson e Jadson; Silvinho, Osvaldo (Maicon) e Luis Fabiano
Técnico: Ney Franco

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade