Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Bastidores - ( )

Dirigente do Flu revela que Michael usou cocaína mais de uma vez

Rio de Janeiro (RJ)

O assessor especial da presidência do Fluminense, Marcelo Penha, revelou que o atacante Michael usou cocaína mais de uma vez. O jogador foi flagrado no teste antidoping para a droga há poucio mais de um mês, mas o resultado só acabou sendo divulgado na semana passada.

“O caso de Michael é preocupante. Ele foi encaminhado para tratamento psiquiátrico. O jogador disse que já havia usado cocaína em outras festas. Foi punido  e acabou cortado da Seleção sub-20”, disse Penha em entrevista à Rádio Tupi, nesse domingo.

Michael tem apenas 19 anos e chegou ao Fluminense em 2011, quando passou a integrar as categorias de base do clube. Em 2012, foi alçado pelo técnico Abel Braga à equipe principal. Logo em sua estreia, marcou um gol contra o Atlético-GO na derrota por 2 a 1.

A ascensão meteórica foi interrompida, pelo menos temporariamente, na semana passada, quando foi descoberto que o atacante havia usado cocaína. Ele foi flagrado no teste após a vitória por 2 a 0 contra o Resende, pelo Campeonato Carioca, quando substituiu Fred e marcou um gol. Agora, recebeu uma suspensão preventiva de 30 dias e aguarda julgamento do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro. A diretoria do Fluminense já prometeu apoio ao jogador, e Abel Braga afirmou que o atleta havia ganhado “um pai e 30 irmãos”.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade