Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Em Maceió, Botafogo não passa de empate sem gols com CRB

Gazeta Press Maceió (AL)

O Botafogo esperava conseguir uma vitória por dois gols de diferença e eliminar o jogo da volta contra o CRB, mas não alcançou seu objetivo. A partida disputada na noite desta quinta-feira, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, terminou sem gols, o que forçará a realização do segundo jogo, no próximo dia 15, para apontar o classificado para a terceira fase da Copa do Brasil.

Para se classificar, o Botafogo vai precisar de uma vitória simples. Empate com gols vai garantir a passagem da equipe alagoana e a repetição do placar do jogo de ida, levará a decisão para a marca do pênalti. O vencedor deste confronto vai encarar o ganhador do duelo entre Arapongas e Figueirense.

O jogo- Mesmo atuando com uma equipe reserva, o Botafogo começou no ataque e, antes de completar o primeiro minuto, já tinha criado a primeira chance. Vitinho chutou com violência, da entrada da área, e assustou o goleiro Galato. A bola passou perto da trave direita. O CRB não se assustou com a jogada e, incentivado pela grande torcida, tentava chegar à área carioca, através de lançamentos para Schwenk e Carlão. Os dois times tentavam acelerar o ritmo da partida e erravam muitos passes.

Só aos 15 minutos é que a equipe alagoana chegou com perigo. Walter Minhoca soltou a bomba de fora da área.A bola passou perto do ângulo direito e assustou o goleiro Jefferson. O Botafogo só respondeu aos 20 minutos. O lateral-esquerdo Lima tabelou com Andrezinho, invadiu a área e, acabou chutando na rede, pelo lado de fora, quando Bruno Mendes esperava o lançamento, na entrada da pequena área.

O time da casa passou a jogar de forma mais lenta, mas seguia explorando lançamentos para seus atacantes. Aos 22 minutos, Marcos Vinicius esticou a bola para Schwenk que arriscou de muito longe, e isolou a bola. Aos 28, em troca rápida de passes, Everton Luiz foi lançado na frente e tentou encobrir o goleiro Jefferson, mas o zagueiro Antonio Carlos fez a cobertura e evitou que a bola entrasse no gol alvinegro.

O lance animou a equipe alagoana e aos 32 minutos, foi a vez de Carlão incomodar Jefferson com um chute de fora da área. O goleiro alvinegro deu rebote, mas conseguiu se recuperar. Mesmo sem jogar bem, o Botafogo perdeu a maior oportunidade, aos 36 minutos. Edilson cruzou, da direita,a zaga do CRB se atrapalhou ao tentar rebater, e a bola sobrou para Andrezinho que, livre, bateu de esquerda, e acabou colocando a bola para fora. Depois desse lance, os dois times voltaram a jogar de forma mais lenta, tocando a bola e esperando o final do primeiro tempo.

Sem mudanças para a segunda etapa, o Botafogo teve a primeira oportunidade. Gegê fez boa jogada e cruzou. O goleiro Galatto rebateu, mas a bola voltou para Gegê que tentou a conclusão, mas o goleiro da equipe alagoana fez a defesa. Aos oito minutos, o CRB criou sua primeira oportunidade para marcar,no segundo tempo.Carlão recebeu na grande área e chutou com violência. Jefferson se esticou e fez grande defesa, evitando o gol da equipe alagoana.

Aos 12 minutos, Vitinho fez magnífica jogada individual, passando por três adversários, mas foi derrubado na entrada da área. Andrezinho fez a cobrança, com categoria, mas a bola se chocou com o travessão. Três minutos depois foi a vez de Walter Minhoca cair na área, depois de uma trombada de André Bahia, mas o árbitro nada marcou, para irritação da torcida alagoana.

O jogo ficou mais aberto, com os dois times procurando a marcação do primeiro gol. Aos 17, Vitinho chutou, Galato defendeu parcialmente, a bola bateu no atacante alvinegro e saiu. O Botafogo chegou a colocar a bola nas redes, aos 33 minutos, em conclusão de Sassá, mas a arbitragem invalidou o lance,marcou impedimento.

O técnico Oswaldo de Oliveira substituiu os veteranos Renato e Andrezinho para tentar dar mais velocidade ao time alvinegro. Aos 37 minutos, Vitinho, o mais eficiente dos atacantes,bateu cruzado e levou perigo para o gol de Galato. Nos minutos finais, o Botafogo pressionou em busca do gol da vitória, mas o CRB soube se defender e garantir o empate.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade