Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Flamengo minimiza "vantagem" contra o Santos em Brasília

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

A maioria das equipes sofre quando enfrenta o Santos na Vila Belmiro. O Flamengo, porém, vai conseguir evitar passar por esse sofrimento, já que pegará o Peixe na estreia no Campeonato Brasileiro no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). O clube paulista aceitou ceder o mando de campo para que a partida, a ser disputada no próximo domingo, às 16h (de Brasília), seja um dos eventos testes do estádio da capital federal visando à disputa da Copa das Confederações. Apesar disso, os flamenguistas minimizam uma possível vantagem por jogarem em campo neutro.

“O Santos vai ser sempre um adversário complicado de ser batido pela qualidade de seus jogadores e por ter uma base bem definida. Não estamos esperando nenhum tipo de facilidades. Nós sabemos que começar o Campeonato Brasileiro com o pé direito é algo muito importante e todos os clubes vão buscar esse objetivo no fim de semana. O Santos é um deles”, diz o meia Renato Abreu.

Para o meia Elias, os bons jogadores do Peixe e a presença de Muricy Ramalho no banco de reservas não permitem o Flamengo ir mais tranquilo por a partida ser disputada longe do litoral paulista.

Alexandre Vidal/Fla Imagem
Renato Abreu não acredita em missão facilitada por Santos mandar o jogo em Brasília
“O Santos tem um grande treinador, jogadores de muita qualidade e vai fazer de tudo para lutar pela conquista do título do Campeonato Brasileiro. Não podemos esperar nenhum tipo de facilidades. O time deles é forte e vai querer vencer, principalmente porque tem o mando de campo. Para nós as dificuldades serão as mesmas”, analisa.

Já o zagueiro Renato Santos lembra que as duas equipes costumam disputar jogos equilibrados. “Logicamente que a Vila Belmiro é a casa do Santos e enfrentá-lo lá é sempre muito complicado. Porém, isso não significa que vamos ter facilidades para ganharmos a partida em Brasília. Vamos enfrentar um time com um elenco valioso e jogadores de qualidade, além de um treinador acostumado ao Campeonato Brasileiro. A nossa expectativa é de um confronto muito equilibrado e decidido nos detalhes”, conclui o defensor.

Alexandre Vidal/Fla Imagem
Marcelo Moreno pode ganhar vaga de Hernane no ataque rubro-negro
De olho na estreia na competição, o técnico Jorginho comandou um treino na manhã desta terça-feira, mas o recreativo, seguido de atividades focadas na melhora de fundamentos, impediu que se pensasse em qualquer esboço para a estreia na competição. Porém, as base deverá ser mesmo aquela que derrotou o Campinense-PB por 2 a 1 na semana passada, pela Copa do Brasil.

A principal dúvida, e talvez isso explique o clima de mistério, é quem será o comandante de ataque. Hernane, artilheiro do Campeonato Carioca, viu a sua vaga ser ameaçada com a contratação do boliviano Marcelo Moreno, que estava no Grêmio e já tem condições de estrear com a camisa flamenguista. Moreno é considerado a principal contratação do Flamengo para esta temporada e a sua titularidade é uma questão de tempo. Resta saber como esse processo será conduzido.

Também existe a possibilidade de o volante Luiz Antonio, que vem se destacando nos treinos e entrou bem contra o Campinense, ganhar uma vaga no meio-campo. Neste caso, o mais cotado para deixar a equipe é Amaral. O lateral direito Leonardo Moura chegou atrasado ao treino desta terça-feira e deve ser multado. Nesta quarta-feira o plantel volta a trabalhar na parte da manhã, no Ninho do Urubu, com Jorginho, provavelmente, já sinalizando a equipe titular para a partida contra o Santos.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade