Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Libertadores - ( - Atualizado )

Galo quer superar desgaste para manter invencibilidade no México

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O Atlético-MG chegou a Tijuana, no México, na tarde desta terça-feira, pouco tempo depois de ter conquistado o título Mineiro, e terá um prazo reduzido de recuperação para o duelo contra os mexicanos pela Libertadores, marcado para quinta-feira, no estádio Caliente. O goleiro Victor lamentou o fato de não poder curtir a conquista estadual.

“Às vezes o ruim do futebol é isso, consegue uma conquista importante e não tem tempo para comemorar. Já estamos pensando no próximo jogo, no campo sintético. Não temos muitas informações, mas vamos fazer um reconhecimento para ver o campo também”, disse.

Se superar as dificuldades e conquistar um resultado positivo no México, o Atlético-MG manterá uma invencibilidade de nunca ter sido derrotado em solo mexicano, onde disputou cinco jogos, venceu três e empatou dois. As três primeiras partidas do Atlético-MG no México foram amistosos disputados em 1972.

Em 23 de julho, empate sem gols com a Seleção Mexicana B, no estádio Jalisco. Uma semana mais tarde, vitória por 4 a 2 sobre a Seleção Mexicana A, no estádio León. Em 2 de agosto, novo triunfo, desta vez sobre a Seleção Mexicana B, pelo placar de 2 a 0.

Já em 1985, no dia 19 de agosto, o Galo empatou por 3 a 3 com o Chivas Guadalajara, em amistoso disputado no estádio Jalisco. Quatro dias depois, venceu o San Francisco por 2 a 1, também em partida amistosa, no estádio Domingo Velázquez.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade