Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Kleina pede ajuda de atacantes na marcação para ter êxito com tática

Luiz Ricardo Fini Itu (SP)

A escalação de três atacantes no treino desta sexta-feira motivou o técnico Gilson Kleina a ter uma conversa com os jogadores de frente. Ao mesmo tempo em que tenta deixar o Palmeiras mais ofensivo na Série B, o treinador tem a preocupação de não perder poder de marcação e, por isso, pediu ajuda tática a Leandro, Vinícius e Kleber.

“Não adianta achar que só por ter três atacantes o time fica ofensivo. Às vezes, você põe assim e a situação não acontece no jogo. A equipe não pode ficar vulnerável e nem achar que vai chegar a qualquer momento. Para isso, precisa de entrega e posicionamento, foi isso o que pedi a eles”, afirmou.

O treinador se reuniu no centro do campo com os três atacantes e com Tiago Real antes do início da atividade tática. A ideia de Kleina é ter um time com o mesmo empenho do exibido na fase de grupos da Copa Libertadores e torce para que o sistema de jogo dê certo neste início da segunda divisão.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Gilson Kleina pediu aos atacantes uma colaboração na marcação, para evitar que o time fique vulnerável
“Estamos trabalhando essa situação (tática), com alguma variável durante os jogos, mas temos de fazer de tudo para iniciar nessa forma, para priorizar os jogadores que estão com um patamar bom. Não que quem está saindo não tenha qualidade, mas vamos enfrentar equipes com um bloqueio defensivo maior”, comentou.

Kleina, porém, deixa claro que está preparado para abrir mão da formação com três atacantes em caso de necessidade durante a partida deste sábado, contra o Atlético-GO, em Itu.

“Mesmo com jogadores ofensivos, nós vamos marcar, pois o futebol pede muita compactação. O Palmeiras vai ter que ter a iniciativa e, por isso, demos as condições nos treinos. Ontem (quinta) também trabalhamos com o Wesley”, completou, admitindo que o meio-campista pode voltar a ser titular se os três atacantes não funcionarem.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade