Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Luis Fabiano "cumprirá dever" em silêncio após responder Juvenal

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Luis Fabiano já deu a Juvenal Juvêncio a resposta que guardava depois de ouvir que pode ser negociado no meio do ano. Após fazer o primeiro gol da vitória no amistoso contra o Londrina, avisou publicamente ao presidente do São Paulo que tem mercado e pode mesmo sair. Feito isso, agora vai cumprir seus deveres, como ele mesmo disse, a príncipio sem alarde.

Na sexta-feira, na reapresentação do elenco depois da folga seguinte ao amistoso, o jogador trabalhou como de costume, mas quieto. Chamou mais atenção por ser o único atleta de agasalho e por conseguir alguns desarmes, embora também tenha perdido bolas para os zagueiros reservas à frente da área.

Segundo o técnico Ney Franco, que havia pedido uma rápida definição da diretoria, a fim de não prejudicar o início da caminhada no Campeonato Brasileiro, a sensação é de que, apesar de ter desabafado ameaçando ir para outro clube, Luis Fabiano não será negociado.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Atacante tem contrato até março de 2015 e mais cinco jogos antes da abertura da janela internacional
"Ele já tentou colocar em prática tudo que pedi a ele. Está preparado para o jogo de domingo, e me parece que as coisas estão praticamente resolvidas para que ele fique conosco nessa sequência", falou o treinador, referindo-se à partida contra a Ponte Preta, em Campinas.

Luis Fabiano tem contrato até março de 2015 e mais cinco jogos antes da Copa das Confederações e a abertura da janela de transferências internacionais. Mesmo seu empresário admitindo a chance de um negócio interno, Juvenal só aceitaria vendê-lo para o exterior.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade