Futebol/Campeonato Baiano - ( - Atualizado )

Mantido no time titular, Dinei justifica escassez de gols com função

Salvador (BA)

Mesmo com a recuperação do artilheiro Marcelo Nicácio e a contratação de Giancarlo, maior goleador do Brasil na temporada, o técnico Caio Júnior bancou a permanência de Dinei no ataque do Vitória na primeira semifinal do Campeonato Baiano, contra o Juazeirense. Com apenas três gols marcados no ano, o último deles há três jogos, o centroavante explica a escassez de gol baseado em sua função no esquema armado pelo treinador.

“O atacante vive de gols, mas estou lutando, fazendo a função que o Caio Júnior está pedindo. Ele pede para segurar os dois zagueiros, brigar para que Maxi e Escudero tenham mais espaço e cheguem com mais clareza ao gol. A missão é dar facilidade para os jogadores que jogam pelos lados do campo”, revela o jogador, em entrevista ao portal iBahia.

Felipe Oliveira/Divulgação
Mesmo com poucos gols, Dinei tem sido importante no esquema de Caio Júnior e segue no time titular do Vitória
Neste ano, Dinei marcou apenas três gols pelo Vitória, dois em suas sete partidas como titular. Com nove em 11 jogos, Marcelo Nicácio será sombra no banco de reservas após recuperar-se de lesão na coxa, assim como o recém-contratado Giancarlo, artilheiro de temporada com os 19 gols marcados pelo Ferroviário (CE).

“A pressão é de todos. Vai ser difícil, mas estou ciente da responsabilidade. Tenho que manter a tranquilidade que os gols vão sair”, conclui o centroavante. O Vitória recebe o Juazeirense na Arena Fonte Nova nesta quinta, às 20h30 (de Brasília), na primeira semifinal do Campeonato Baiano.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade