Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol - ( - Atualizado )

Paulinho cita história de Jorge e torce para "que tudo se resolva"

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Jorge Henrique não foi visto no CT do Parque Ecológico no horário em que houve acesso ao treino nesta segunda-feira. De acordo com o Corinthians, o jogador trabalhou antes do restante do elenco, do qual segue afastado por um ato de indisciplina. Sua situação só será resolvida na próxima semana.

Acostumado a contar com o atacante em finais, Paulinho estranha a distância em um momento decisivo. Quando o volante chegou ao clube, o camisa 23 já havia sido decisivo no Campeonato Paulista e na Copa do Brasil de 2009. Com grande ajuda dele, conquistou um título brasileiro, um sul-americano e um mundial.

“Todos sabemos a capacidade do Jorge, conhecemos a história que tem dentro do clube. É uma situação da comissão técnica, da direção, mas faz falta, o Jorge ajudou bastante em todos esses anos”, afirmou o meio-campista.

Paulinho tramou com Jorge Henrique a jogada que acabou no gol de Guerrero na final do Mundial, 1 a 0 sobre o Chelsea. Existe uma chance considerável de o lance ter sido o último marcante do atacante com a camisa que defende há mais de quatro anos.

Divulgação/Agência Corinthians
Depois de receber de Jorge, Paulinho conduz a bola, que acabaria na rede de Cech (foto: Daniel Augusto Jr.)
O jogador foi afastado depois de faltar ao treino na véspera do confronto com o São Paulo, semifinal do Estadual, com uma justificativa falsa. De acordo com o técnico Tite, “não foi um fato isolado” e o atleta precisava “reconduzir sua carreira”.

Comissão técnica e diretoria prometem rever a situação após a final do Paulista, marcada para domingo. “Torço para que tudo se resolva. Que ele possa ficar tranquilo e fazer o que ama fazer, jogar futebol. Que ele possa se doar como sempre fez”, pediu Paulinho.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade