Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Santos crê que fez história ao manter Neymar desde 2010 até o limite

Santos (SP)

A saída de Neymar para o Barcelona, já anunciada pelo atacante, foi confirmada oficialmente pelo Santos na noite deste sábado. Em comunicado oficial, o Comitê de Gestão do clube não só informou que a transferência foi uma decisão do jogador, mas ressaltou que fez história por segurar quem chama de “craque” desde 2010.

“Após recusar uma série de ofertas milionárias por Neymar Jr., desde meados de 2010, e colocar em prática um plano de carreira que permitiu sua histórica permanência no Brasil por vários anos, contrariando a tendência do futebol brasileiro de vender rapidamente seus maiores talentos, o Santos FC, finalmente, concordou com a negociação”, diz o comunicado.

O documento serve como uma explicação para a torcida. A diretoria indica “que fez todos os esforços para mantê-lo no Brasil pelo maior tempo possível, inclusive oferecendo a renovação do contrato atual, que terminaria em julho de 2014”, mas que “recebeu comunicação do atleta Neymar Jr., na noite deste sábado (25), avisando que decidiu aceitar a proposta do Barcelona”.

Ricardo Saibun/Santos FC
Atacante Neymar participou de seu último treino pelo Santos na manhã deste sábado
O argumento do Comitê de Gestão é que “não foi mais possível competir com as condições oferecidas pelas propostas recebidas do exterior, que impactaram a decisão do atleta de rever a sua vida profissional”. Alegando “confidencialidade de contrato” e “comum acordo”, o clube se recusou a revelar qualquer detalhe da negociação.

Confira a íntegra do comunicado oficial, que destaca os números do atacante formado nas categorias de base do Peixe é que tem pouco mais de quatro anos como profissional:

COMUNICADO OFICIAL

O Comitê de Gestão do Santos FC informa que recebeu comunicação do atleta Neymar Jr., na noite deste sábado (25), avisando que decidiu aceitar a proposta do Barcelona. Desta maneira, a transferência do craque para o time espanhol será selada nos próximos dias.

Após recusar uma série de ofertas milionárias por Neymar Jr., desde meados de 2010, e colocar em prática um plano de carreira que permitiu sua histórica permanência no Brasil por vários anos, contrariando a tendência do futebol brasileiro de vender rapidamente seus maiores talentos, o Santos FC, finalmente, concordou com a negociação.

O Santos FC libera Neymar Jr., ciente de que fez todos os esforços para mantê-lo no Brasil pelo maior tempo possível, inclusive oferecendo a renovação do contrato atual, que terminaria em julho de 2014. Neste momento, no entanto, não foi mais possível competir com as condições oferecidas pelas propostas recebidas do exterior, que impactaram a decisão do atleta de rever a sua vida profissional.

Devido à confidencialidade do contrato, e de comum acordo, as bases da negociação não serão divulgadas pelas partes.

O ATLETA

Neymar da Silva Santos Junior atuou no Santos de 2009 a 2013, totalizando neste domingo 230 jogos e tornando-se o 62º atleta que mais vestiu a camisa do Peixe. Marcou, até este momento, 138 gols, que o consagraram com o maior artilheiro da Era Pós-Pelé, no Santos, e o 13º da história do Clube.

Foi decisivo na conquista do tricampeonato paulista que não se repetia desde 1969, das inéditas Copa do Brasil e Recopa Sul-Americana, e da Taça Libertadores após 48 anos de espera. Foi o autor do gol mais bonito de 2011 em todo o mundo, levando o Prêmio Puskas pela Fifa.

Com seu carisma, tornou-se a maior celebridade brasileira da atualidade e ajudou o Santos a aumentar a visibilidade de sua marca e a incrementar receitas: do aumento do número de sócios de 17 mil para mais de 65 mil na atualidade, passando pela venda recorde de camisas azuis em 2012 - mais de 100 mil - e pela multiplicação de torcedores. Desde 2009, quando Neymar Jr. estreou pelo Santos, as receitas do Clube quase triplicaram em três anos.

Santos FC e Neymar Jr. tiveram uma parceria de sucesso ao longo de quase uma década, das categorias de base ao time profissional, que ficará marcada para a posteridade.

Mais do que um ídolo, Neymar Jr. tornou-se um mito não apenas para os santistas, mas para os brasileiros e para os fãs de futebol em todo o mundo.

O Clube despede-se por algum tempo de seu craque desejando muito sucesso em sua nova jornada, certo de que a Vila Belmiro continuará sendo a sua segunda casa e porto de retorno quando ele assim o desejar.

Comitê de Gestão

Santos FC

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade