Comercial Expediente Contato
Acompanhe o GE.net
Futebol - ( )

Tite se recusa a ver mau futebol do Timão e pede comparação justa

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Após duas partidas sem gols e sem grandes oportunidades do Corinthians, Tite foi questionado sobre as atuações contra Boca Juniors e São Paulo. O técnico se recusou a considerar ruim o desempenho em ambas as partidas e procurou passar uma mensagem otimista.

“Se tivéssemos jogado mal contra o Boca, teríamos tomado três. Faltou acerto de passes, triangulação, saída de bola e balanço defensivo, não estou questionando. Mas a análise é feita em comparação com (a final da) Libertadores, com o jogo contra o Chelsea”, afirmou o gaúcho, pedindo uma comparação mais justa.

“No ano passado, em que estágio estávamos nessa época? Como foi o jogo contra o Emelec (nas oitavas de final da Libertadores)? Foi pau, foi difícil criar. Como no ano passado, a equipe vai ter de se construir, evoluir, crescer, melhorar. É o que a gente busca”, acrescentou.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
O técnico Tite vê possiblidade de o Corinthians crescer e repetir a trajetória vitoriosa de 2012
Tite também apontou um bom volume de jogo no 0 a 0 contra o São Paulo, algo que nem seus jogadores tiveram a cara de pau de repetir. Eles sabem que será necessário jogar mais para virar o confronto com o Boca, que venceu por 1 a 0 na Argentina. A volta será no próximo dia 15, no Pacaembu.

“Acho que poderia ter sido melhor. O time não tem chegado ao ataque como a gente chegava. É ter cabeça boa na semana que vem para não repetir esse jogo”, disse o meia Douglas, menos otimista do que Paulo André: “A gente cai, mas se levanta rapidamente”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade