Futebol/Campeonato Baiano - ( )

Sem status de favorito, Vitória encara a surpresa Juazeirense

Salvador (BA)

Considerado favorito ao título baiano no início da segunda fase do estadual, o Vitória viu a condição se esvair durante os oito jogos disputados até aqui na competição. Com campanha quase impecável, o Juazeirense liderou o Grupo 2, à frente do próprio Vitória, e quer seguir surpreendendo nas semifinais contra o Leão. A primeira partida entre as duas equipes está programada para as 20h30 (de Brasília) desta quinta, na Arena Fonte Nova.

“Trata-se de um adversário bastante perigoso, que não fez essa pontuação por acaso. Tem um excelente treinador e um ótimo grupo. É também uma equipe rápida no contra-ataque. Estamos preparados para encontrar dificuldades. Temos que ter paciência parta rodar a bola, não se precipitar, porque eles virão fechados. Mas vamos fazer de tudo para furar esse bloqueio”, afirma o volante Luís Alberto.

Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação
Suspenso por quatro jogos, Victor Ramos é o único desfalque do Vitória para a semifinal desta quinta
Ao lado do atacante Marcelo Nicácio, o jogador é uma das novidades na relação do técnico Caio Júnior. Os dois, no entanto, devem ser apenas opção no banco de reservas. Por outro lado, o treinador promove a entrada do zagueiro Fabrício na vaga de Victor Ramos, suspenso em quatro jogos pelo Tribunal de Justiça Desportiva baiano por conta da expulsão contra o Botafogo-BA, no dia 13 de abril. A diretoria rubro-negra tenta efeito suspensivo para o defensor atuar na partida de volta e em uma eventual decisão.

Apesar da campanha melhor na segunda fase, o Juazeirense segue classificando o Vitória como o grande favorito a conquistar vaga na decisão. No entanto, o sentimento em toda equipe é de poder fazer frente ao Leão para conseguir feito inédito na breve história do clube.

“A gente vai manter a postura. Não vamos mudar. O time só tomou três gols em oito jogos. Nossa defesa é sólida. O Vitória tem nome, camisa, também fez uma campanha boa, mas nós temos nosso poderio”, diz o técnico Quintino Barbosa, em entrevista ao portal iBahia. Criado em 2006, o Juazeirense disputa apenas sua segunda edição da primeira divisão nacional. “Nosso time está tranquilo, motivado. Vai ser complicado para todos nós, mas estamos confiantes. O time está buscando seu espaço”, completa.

Sem nenhum desfalque, o time de Juazeiro tem a vantagem de jogar por dois resultados iguais nas semifinais, já que fez melhor campanha na segunda fase.

Divulgação
Quintino Barbosa espera fazer história com o Juazeirense:com apenas sete anos, clube nunca chegou à final do estadual
FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X JUAZEIRENSE

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 2 de maio de 2013, quinta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (Fifa-GO)
Assistentes: Wilson Pereira Sampaio (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)

VITÓRIA: Deola, Nino Paraíba, Gabriel Paulista, Fabrício e Mansur; Luis Cáceres, Michel, Escudero e Renato Cajá; Maxi Biancucchi e Dinei
Técnico: Caio Júnior

JUAZEIRENSE: Maikon, Muriel, Edy, Rodrigo e Sandro; Waguinho, Naldo, Wanderson e Madson; William Carioca e Deon
Técnico: Quintino Barbosa

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade