Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Adalberto admite time ucraniano em negociações avançadas por Cortez

São Paulo (SP)

Encostado no São Paulo, Cortez pode ter sua situação definida em breve. Nesta quarta-feira, Adalberto Batista, diretor de futebol do clube, admitiu negociações avançadas com um clube da Ucrânia.

“Temos uma negociação muito avançada com um time da Ucrânia. A velocidade da contratação não é a mesma e estabelecemos o fim de semana como prazo para finalizar a negociação”, declarou o dirigente em entrevista à Fox Sports.

O Tricolor Paulista prioriza propostas do exterior, mas Adalberto não descarta negociar o lateral esquerdo com um clube brasileiro. Caso a transferência não seja finalizada até o prazo estabelecido, o clube passa a ouvir seus compatriotas.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Cortez pode estar a caminho da Ucrânia
“Temos uma negociação já há mais de 15 dias que está encaminhada, mas ainda não se concretizou. Caso não se concretize até semana que vem, vamos analisar as propostas brasileiras. Existem cinco ou seis times da primeira divisão que querem contar com ele, vamos avaliar o que é melhor para clube e jogador”, afirmou Adalberto.

O ex-botafoguense foi afastado do São Paulo juntamente com Fabrício, Cañete, João Filipe, Luiz Eduardo, Wallyson e Henrique Miranda em maio deste ano, após a eliminação para o Atlético-MG pela Copa Libertadores. Destes, quatro já definiram seus destinos.

Além de reintegrar Juan, o Tricolor Paulista fechou com dois jogadores para a lateral esquerda após o afastamento de Cortez e a contusão de Carleto: Reinaldo e o argentino Clemente Rodríguez.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade