Futebol/Eliminatórias 2014 - ( - Atualizado )

Argentina visita o Equador podendo se garantir na Copa do Mundo

Quito (Equador)

Ainda sem poder contar com Messi no estado físico ideal, a Argentina enfrenta nesta terça-feira, às 18 horas (de Brasília), o Equador no Estádio Atahualpa, em Quito, em uma das partidas mais desafiadoras das Eliminatórias Sul-americanas podendo já garantir a vaga para a Copa do Mundo de 2014.

A Argentina lidera a zona sul-americana das Eliminatórias com 25 pontos. Uma vitória sobre o Equador e um tropeço da Venezuela diante do Uruguai também na terça-feira garantiriam a Albiceleste na Copa do Mundo.

Como no empate por 0 a 0 com a Colômbia na última rodada, Messi pode não ser titular por conta de uma lesão na coxa direita. Diferentemente do empate, no entanto, Montillo não deve ser seu substituto.

Dessa vez, Alejandro Sabella deve escalar a seleção no 3-5-2 caso não conte com seu maior astro. A tática seria a mesma adotada no empate por 1 a 1 contra a Bolívia, disputado na altitude assim como o confronto contra o Equador.

O volante Banega, autor do gol contra os bolivianos, deve assumir vaga no meio-campo no lugar de Lucas Biglia. Montillo deixaria a equipe para a entrada de Basanta na zaga, enquanto o suspenso Zabaleta deve ser substituído por Gino Peruzzi na lateral direita. Lavezzi e Palacio disputam a vaga no ataque aberta pela expulsão de Higuaín no jogo contra a Colômbia.

Na liderança da zona sul-americana com 25 pontos, os argentinos viajam para enfrentar o Equador, que tem cinco pontos a menos e divide a segunda posição com a Colômbia, e a altitude de Quito, capital equatoriana. Caso saia do Estádio Atahualpa com um triunfo, a Argentina praticamente garante vaga no Mundial.

O Equador, porém, aparece na terceira posição da Eliminatórias com 20 pontos conquistados e deve impor dificuldades. Mesmo assim, o volante argentino Mascherano espera a vitória.

“Precisamos ganhar para nos aproximarmos da Copa do Mundo. Sabemos que não é fácil atuar aqui. O Equador joga bem, está bem treinado e tem bons jogadores. Não é apenas questão do clima ou da altitude, mas da própria qualidade do time. Precisamos superar o cansaço e levar a melhor nos duelos individuais”, analisou o meio-campista.

AFP
Dúvida, Messi pode começar no banco de reservas da Argentina novamente contra o Equador (Foto: Alejandro Pagni)
A Argentina pode se inspirar na goleada por 4 a 0 sobre o próximo adversário no estádio Monumental de Núñez, mas o técnico equatoriano Reinaldo Rueda garante que a situação é diferente.

“Melhoramos desde aquele jogo. Além disso, como locais somos bem mais fortes, mas temos consciência da qualidade dos adversários. Vai ser um jogo fechado e precisaremos ter muita paciência, dinâmica, ordem e explosão. Essas serão as chaves da partida”, declarou o treinador.

O Equador vem de duas derrotas, sendo uma para o Peru pela Eliminatórias, e não poderá contar com o atacante Christan Benítez, suspenso, mas terá o retorno de Caicedo. O artilheiro da equipe nas Eliminatórias com cinco gols marcados volta após ficar de fora por lesão.

FICHA TÉCNICA
EQUADOR X ARGENTINA

Local: Estádio Atahualpa, em Quito (Equador)
Data: 11 de junho de 2013, terça-feira
Horário: 18 horas (de Brasília)
Árbitro: Enrique Cáceres (Paraguai)
Assistentes: Rodney Aquino e Dario Gaona (ambos do Paraguai)

EQUADOR: Banguera; Ibarra, Guagua, Erazo e Ayoví; Castillo, Nobuo, Valencia e Montero; Rojas e Caicedo
Técnico: Reinaldo Rueda

ARGENTINA: Sergio Romero; Garay, Basanta (Messi) e Federico Fernández; Gino Peruzzi, Mascherano, Banega, Di María e Marcos Rojo; Lavezzi (Palacio) e Sergio Aguero
Técnico: Alejandro Sabella

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade