Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Diretor do Vitória critica postura do Bota com Dankler e cita dívida

Salvador (BA)

A negociação do Botafogo com Dankler abalou o relacionamento do clube com o Vitória. Nesta quarta-feira, Epifânio Carneiro, diretor de futebol do Leão da Barra, criticou o Glorioso pelo caso e citou uma dívida pela contratação de Elkeson.

“Uma coisa que nos entristece é que o relacionamento entre Vitória e Botafogo sempre foi muito bom, visto o que aconteceu no caso do Elkeson. O Botafogo até hoje deve ao Vitória cerca de R$ 800 por ele e agora age dessa forma. Estranhamos muito esse comportamento do Botafogo, sempre foi um clube muito ético conosco”, declarou o dirigente em entrevista à Rádio Brasil.

Em 2011, o Vitória negociou Elkeson com o Botafogo mesmo tendo propostas melhores. Agora, o Leão da Barra tenta negociar a renovação de Dankler, mas se vê em situação mais difícil pelo avanço do Bota.

“Ele é formado na base, está no clube desde que tem 10 anos e tem contrato até o dia 14 de julho. Para nossa surpresa, vimos num jornal do Rio de Janeiro que ele havia acertado com o Botafogo, o que nos espantou. Ele estava negociando conosco até oito dias atrás”, afirmou Epifânio.

O diretor ainda valorizou o atleta e mostrou esperanças de que ele permaneça no clube baiano. “Ele tem um potencial muito grande, nossa proposta de renovação foi a melhor já feita pelo Vitória para um atleta de base, mas, infelizmente, ele pode sair pela porta dos fundos. Ainda temos condições de tentar, tudo depende da vontade do jogador e de sua família”, comentou.

Felipe Oliveira/Divulgação
Com 21 anos, Dankler é considerado uma das principais promessas do Vitória pela diretoria do clube

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade