Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Amistoso - ( - Atualizado )

Hernanes lamenta por não ter feito gol histórico, mas vibra com Fred

Luiz Ricardo Fini, enviado especial Rio de Janeiro (RJ)

O meio-campista Hernanes esteve muito perto de entrar para a história do Maracanã, no domingo. Depois de ter começado a partida do Brasil contra a Inglaterra no banco de reservas, o jogador entrou no intervalo e quase marcou o primeiro gol da reinauguração do estádio, mas acertou o travessão e viu Fred aproveitar o rebote para balançar as redes.

“Vi depois o chute (pela TV) e acho que poderia ter entrado”, sorriu, lamentando. “Seria um gol histórico, mas o mais importante é que o Fred estava lá e botou para dentro, fazendo o trabalho dele”, afirmou o jogador, na volta à concentração da Seleção, na manhã desta segunda-feira.

Hernanes substituiu Luiz Fernando para o começo do segundo tempo, formando dupla com Paulinho, que foi o autor do gol do empate no resultado de 2 a 2. Apesar de só ter recebido a oportunidade por 45 minutos, o atleta da Lazio ficou satisfeito com o próprio desempenho e com o conjunto dirigido por Luiz Felipe Scolari.

“Deu para mostrar um pouquinho meu trabalho, assim como todos da Seleção. O melhor é que este jogo mostrou que estamos evoluindo”, acrescentou.

O Brasil volta a entrar em campo no domingo, quando enfrentará a França, na Arena do Grêmio. Felipão já adiantou que a tendência é manter a formação que atuou contra a Inglaterra, ou seja, com Luiz Fernando e Paulinho entre os titulares, e Hernanes como suplente.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade