Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Brasileiro Série B - ( )

Kleina entende revolta de time e não repreende Araújo por expulsão

Recife (PE)

O técnico Gilson Kleina considerou normal o forte protesto dos jogadores do Palmeiras depois do apito final do árbitro Wagner Reway, na noite de sábado. Apesar de ter perdido o volante Márcio Araújo para a próxima rodada em função das reclamações, o treinador entendeu a revolta de seu time e as reclamações na Ilha do Retiro.

“Ninguém tem sangue de barata. Você sabe que estão levando uma situação errada e vai concordar? A reclamação foi na frente no banco. O pior não foi nem o escanteio, mas sim a mão que usou para dominar a bola. Eles tiraram pontos do Palmeiras hoje (sábado) e temos de defender nossas cores”, afirmou.

Toda a polêmica aconteceu por conta de um lance nos acréscimos na partida contra o Sport. Depois de um jogo inteiro em gramado encharcado, o time pernambucano venceu com gol irregular, quando Nunes completou cobrança de escanteio para as redes, aos 48 minutos do segundo tempo. No entanto, os palmeirenses reclamam porque o escanteio não existiu e o atacante ainda usou a mão esquerda para dominar a bola no lance.

“Tem de trazer árbitros experientes para um jogo da importância de Palmeiras e Sport. O adversário foi beneficiado com o erro, assim como contra o Guaratinguetá também tiveram um erro gravíssimo, mas, neste caso, não era problema nosso. Vamos levantar a cabeça, pois perdemos dois jogadores importantes e precisamos de tranquilidade para terça-feira”, acrescentou o técnico.

Kleina ainda alegou que Nunes confessou no gramado ter usado a mão na jogada. Porém, na entrevista coletiva depois do jogo, o atacante negou a irregularidade. Em função da polêmica, os palmeirenses reclamaram bastante após o apito final e Márcio Araújo foi expulso quando o jogo já tinha terminado.

O volante, que é titular absoluto do Verdão, está fora do confronto de terça-feira, contra o América-RN. Já o atacante Leandro recebeu o terceiro cartão amarelo e também desfalca o time paulista na última rodada antes da paralisação para a Copa das Confederações.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade