Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Copa das Confederações - ( - Atualizado )

Maggio lamenta: “Em alguns momentos fomos até superiores à Espanha"

Fortaleza (CE)

O sentimento na saída do campo entre os italianos era de frustração. Depois de conseguir ficar 120 minutos (tempo normal de jogo mais a prorrogação) sem sofrer sequer um gol da Espanha, a Azzurra acabou derrotada nos pênaltis, mas deixou o Castelão com a certeza de que poderia ter desmentido todos os prognósticos e se classificado para a final.

“Eu sinto muito, porque nós conseguimos fazer uma partida maravilhosa, contra os atuais campeões do mundo e da Europa”, disse o lateral direito Maggio.

O defensor lamentou que a Itália não tenha conseguido concretizar as oportunidades criadas. “Nós conseguimos marcar a Espanha. Estamos muito cansados. Podíamos ter conquistado a vantagem no primeiro tempo”.

O empate com a bola rolando deixou entre os italianos a sensação de que evoluíram em relação ao último encontro diante dos espanhóis, na final da última Eurocopa, quando foram goleados por 4 a 0. “Em alguns momentos fomos até superiores à Espanha”, disse Maggio.

A Itália agora viaja para Salvador, onde, no próximo domingo, às 13 horas (de Brasília), enfrenta o Uruguai, na disputa do terceiro lugar.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Italianos e espanhóis entram em disputa de bola na grande área durante o tempo normal de jogo

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade