Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Milan e Robinho pedem alto; Santos se assusta e esfria interesse

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

Sem conseguir acertar com um novo técnico, por conta do fracasso das negociações com o argentino Marcelo Bielsa, o Santos também passa a buscar reforços para o elenco. O atacante Robinho, do Milan, ídolo da torcida do Peixe, é um dos grandes objetivos da direção do clube praiano. Mas os valores pretendidos pelos milanistas e, também, pelo Rei das Pedaladas, assustaram a cúpula alvinegra.

Ao contrário do que imaginavam os dirigentes santistas, os rossoneros pediram 10 milhões de euros (aproximadamente R$ 28 milhões) por Robinho. O salário desejado pelo atacante, cerca de R$ 1,3 milhão por mês, também surpreendeu o time da Vila Belmiro.

A pedida do Rei das Pedaladas foi superior ao R$ 1 milhão mensais que havia sido solicitado por ele próprio, no ano passado, quando o Santos tentou repatriá-lo. A ideia do Peixe, que trabalhava com esse valor como base, era tentar reduzi-lo para facilitar um acordo.

Dentro dessas condições, os santistas não pretendem dar continuidade as tratativas com o Milan. Caso não haja uma redução nas pedidas, tanto do clube italiano quanto do próprio Robinho, a diretoria alvinegra irá priorizar outras opções, que sejam consideradas “de peso”, existentes no mercado.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade