Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Monaco entra na briga com Chelsea e pretende pagar R$ 125 milhões por Hulk

Monaco (França)

“Novo rico” do futebol mundial, o Monaco pretende abrir os cofres para contratar mais um reforço de peso para a próxima temporada. Após levar Falcao García, João Moutinho e James Rodriguez, o time francês prometeu entrar na briga com o Chelsea pelo atacante brasileiro Hulk e deve oferecer 45 milhões de euros (R$ 127,5 milhões) ao Zenit, da Rússia, para contar com o jogador.

De acordo com o jornal francês L’Equipe, o Monaco fará a proposta assim que o jogador retornar da disputa da Copa das Confederações com a Seleção Brasileira. A equipe francesa, no entanto, deverá enfrentar a concorrência do Chelsea. Os Blues namoram o jogador há pelo menos um ano e, com a chegada do técnico José Mourinho ao clube, o atacante, que brilhou no futebol português pelo Porto, teria se tornado uma prioridade.

Há uma semana, quando estava concentrado com a Seleção Brasileira em Goiânia para o amistoso contra a França, Hulk admitiu o interesse do Chelsea. "Se disser que não existe [o interesse do Chelsea] vou estar mentindo. Mas estou 100% focado na seleção e espero ser campeão da Copa das Confederações com o Brasil", afirmou, na ocasião.

Segundo a imprensa europeia, o Chelsea deve oferecer 41 milhões de euros (R$ 114 milhões) pelo atacante de 26 anos. Embora alta, a proposta ainda é menor que a que o Monaco deve fazer.

Bancado pelo bilionário russo Dmitry Rybolovlev, o clube francês já gastou, nesta temporada, 130 milhões de euros (R$ 368 milhões) com contratações. Além de Hulk, o português Cristiano Ronaldo interessa à equipe, que está disposta a oferecer 100 milhões de euros (R$ 283 milhões) pelo atacante do Real Madrid.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Vaiado pelo torcedores brasileiros na Seleção, Hulk é bem cotado no futebol europeu

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade