Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Copa das Confederações - ( - Atualizado )

Para del Bosque, seleção espanhola ainda não tem centroavante

Madri (Espanha)

Apesar de ser considerada a melhor seleção do mundo na atualidade, o técnico da Espanha, Vicente del Bosque, ainda não está satisfeito com uma posição em seu time. Nesta quarta-feira, o comandante da Fúria admitiu que tem escalado a equipe sem um centroavante, por não ter nenhum jogador em condições de assumir a posição de titular.

“Eu entendo que uma equipe é melhor com um centroavante, é um posto que o time necessita. Mas, possivelmente por culpa nossa não encontramos esse centroavante no qual ficássemos totalmente satisfeitos. Tiveram oportunidades Negredo, Torres, Soldado, Villa… Nenhum deles nos entusiasmou. Se tivéssemos um centroavante em condições…”, revelou o técnico em entrevista ao jornal espanhol Marca.

AFP
Vicente del Bosque ainda não encontrou um centroavante ideal para a seleção da Espanha
Com isso, a seleção espanhola vem sendo armada sem um “camisa 9” fixo. Na goleada por 4 a 0 na decisão da Eurocopa do ano passado contra a Itália, por exemplo, Busquets, Xabi Alonso e Xavi, atuaram no meio de campo, com Iniesta e David Silva pelas pontas e Fabregas ocupando o meio no setor ofensivo, na função mais próxima à de um centroavante.

Del Bosque convocou dois jogadores com características de centroavante para a Copa das Confederações: Roberto Soldado, do Valência, e Fernando Torres, do Chelsea. Mas nenhum desses nomes se firmou na equipe titular.

“Podemos escalar um centroavante, ele pode ficar o jogo inteiro sem tocar na bola e no final marcar um gol. Aí todo mundo vai dizer ‘ele fez um gol’, mas ninguém vai lembrar que ele ficou sumido o jogo todo. E a seleção precisa de jogadores que participem o tempo todo das partidas”, comentou.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade