Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Brasileiro Série B - ( )

Rafael Santos minimiza derrota no fim contra a Chapecoense

São Caetano do Sul (SP)

Décimo oitavo colocado com apenas dois pontos em três partidas, o São Caetano segue sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. Para o goleiro Rafael Santos, no entanto, o Azulão teve azar na derrota para a Chapecoense, no último sábado, dentro de casa.

As duas equipes empatavam por 0 a 0 até os 45 minutos da segunda etapa, quando André Paulino aproveitou uma cobrança de escanteio e deu a vitória à Chape.

Para o arqueiro do São Caetano, o fato do zagueiro Luiz Eduardo estar atuando no sacrifício - o jogador sentiu lesão no tornozelo, e as três substituições já haviam sido feitas – foi determinante para o gol catarinense.

“O Luiz [Eduardo] tem a função de estar no primeiro pau ali, mas estava machucado. Eu também tentei sair antes, mas fui muito e o jogador deles (André Paulino) foi feliz”, explicou. “Eles tiveram apenas uma bola parada, que acertaram na área. Só. Não está tudo errado”, completou o goleiro.

Buscando a primeira vitória na Série B, o São Caetano volta a campo nesta terça-feira, às 21h50 (de Brasília) diante do Atlético-GO, novamente no Anacleto Campanella. A equipe goiana ainda não venceu fora de casa na competição.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade