Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Copa das Confederações - ( )

Soldado aproveita chance e só lamenta que mais bolas não entraram

Recife (PE)

Soldado foi o escolhido de Vicente del Bosque para fechar a escalação da Espanha na primeira rodada da Copa das Confederações, superando a concorrência de atletas como Fernando Torres e David Villa. Correspondeu, fazendo um bom papel como pivô e marcando o segundo gol na vitória por 2 a 1 sobre o Uruguai.

“A pena foi que, nas oportunidades que tivemos para fazer mais gols, as bolas não entraram. Mantivemos a filosofia da equipe mesmo diante de uma boa equipe, como o Uruguai. Ficamos com a bola, trocamos passes com critério e criamos chances”, comemorou o centroavante.

O camisa 14 poderia ter marcado pela segunda vez já no finalzinho do jogo, quando saiu na cara do goleiro Muslera e foi derrubado por González na meia-lua. Como a partida já estava nos segundos derradeiros, o árbitro japonês Yuichi Nishimura deixou para lá e não apitou nada.

AFP
Soldado comemora o segundo gol da Espanha no triunfo sobre o Uruguai (foto: Luis Gene)
De qualquer maneira, Soldado convenceu e provavelmente assegurou sua permanência na equipe na sequência da competição no Brasil. “Não sei se voltarei a ser titular. Essa é uma decisão que cabe ao treinador”, conteve-se o atacante, satisfeito com o próprio desempenho.

O próximo compromisso da Espanha na Copa das Confederações está marcado para quinta-feira, no Rio de Janeiro. A partir das 16h (de Brasília), os atuais campeões mundiais atuarão com amplo favoritismo contra a seleção do Taiti, no Estádio do Maracanã.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade