Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Vasco volta a vencer e afunda Atlético-MG para a lanterna

Gazeta Press Volta Redonda (RJ)

Depois de duas derrotas consecutivas, o Vasco voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, a equipe de São Januário derrotou o Atlético-MG por 2 a 0, com gols marcado por Alisson e Abuda, ambos no segundo tempo.

O resultado fez a equipe carioca chegar aos 6 pontos ganhos e ocupar a sétima posição. Enquanto isso, o Galo segue com apenas um ponto conquistado, no último lugar da tabela de classificação.

A vitória fez justiça ao melhor desempenho do Vasco. O time dirigido por Paulo Autuori não precisou ser brilhante para derrotar um adversário muito desfalcado e sem inspiração. O time dirigido por Cuca não contou com Ronaldinho Gaúcho, Diego Tardelli, Réver e Bernard. Sem seus principais jogadores, o treinador da equipe mineira adotou uma tática defensiva, mas não conseguiu evitar a derrotas.

Na próxima rodada, o Vasco receberá o Bahia, em Volta Redonda. O Atlético MG terá o Grêmio pela frente, no Independência.

Divulgação/Vasco da Gama
Richarlyson não conseguiu segurar o Vasco, que chegou à vitória com gols de Alisson e Abuda
O jogo - Com uma equipe bem modificada em relação à última partida, o Vasco começou com uma postura ofensiva e quase marcou aos três minutos, quando Carlos Alberto, de cabeça, completou um cruzamento e exigiu grande defesa do goleiro Victor.

Depois do susto, a equipe mineira passou a se arrumar melhor em campo e a rondar à área cruz-maltina. Aos nove minutos, o Galo criou a primeira chance. Luan tocou de cabeça, a bola não ganhou velocidade, mas quase enganou o goleiro Michel Alves que ia deixando a bola passar entre as suas pernas, mas conseguiu evitar que ela entrasse.

A resposta da equipe carioca veio dois minutos depois, novamente com Carlos Alberto. O meia recebeu na entrada da área, evitou a marcação e bateu de esquerda, levando grande perigo ao gol defendido por Victor.

Os dois times atuavam voltados para o ataque, provocando a intensa participação da torcida. Aos 14 minutos, Luan arriscou da entrada da área e Michel Alves defendeu com segurança. Logo depois foi a vez de Victor aparecer em chute forte de Alisson, depois de tabela com Carlos Alberto.

A equipe mineira concentrava suas jogadas de ataque pelo lado direito. Luan e Marcos Rocha tentavam tabelar e buscar espaços nas costas de Nei que atuava improvisado na posição.

Durante mais de dez minutos, as duas equipes reduziram o ritmo e quase nada aconteceu de importante. A torcida só voltou a se agitar aos 32 minutos, quando Carlos Alberto fez ótimo passe para Edmilson, mas o atacante chutou mal, bem longe do gol defendido por Victor.

Aos 36 minutos, o Galo desperdiçou uma ótima chance para abrir o marcador. Uma falha de marcação permitiu que Jô recebesse livre. O atacante rolou para Leandro Donizete que, de frente para Michel Alves, chutou fraco e permitiu uma fácil defesa do goleiro do Vasco.

O time mineiro continuou mais objetivo e aos 43 minutos, criou nova chance para marcar. Após cruzamento, Jô subiu mais do que a zaga carioca e testou firme, mas Michel Alves fez grande defesa e evitou o gol.

O Galo voltou para o segundo tempo, com o atacante Alecsandro no lugar de Guilherme e com muito maior organização ofensiva, pressionando em busca do primeiro gol, desde os primeiros minutos.

Arte GE.Net
O Vasco demorou a se arrumar em campo e só aos dez minutos, criou sua primeira jogada de perigo, quando Carlos Alberto foi derrubado na entrada da área. A cobrança não levou perigo para o gol defendido por Victor. Aos 14 minutos, o goleiro atleticano foi acionado e não encontrou problemas para defender o chute de Pedro Ken. No minuto seguinte foi a vez de Michel Alves brilhar, defendendo a cabeça de Alecsandro.

Logo depois desse lance, o técnico Paulo Autuori decidiu mudar o ataque cruz-maltino, trocando Carlos Alberto e Edmilson por Dakson e Tenório. E Dakson entrou dando trabalho a Victor. O meia cabeceou um cruzamento de Pedro Ken e obrigou o goleiro do Galo a praticar outra grande defesa.

E o Vasco acabou marcando o primeiro gol aos 24 minutos. Alisson investiu pela intermediária, tabelou com Wendel, entrou na área e tocou no canto esquerdo de Victor. Por ter subido no alambrado para comemorar, Alisson foi advertido com o cartão amarelo.

Depois de sofrer o gol, o técnico Cuca decidiu modificar o esquema de três volantes e tirou Josué, colocando Cláudio Leleu em campo.

O Vasco continuou mais organizado em campo e, aos 33 minutos, Tenório fez excelente lançamento para Dakson que chutou cruzado, mas Victor evitou o segundo gol, com grande defesa. Sem outra alternativa, o Atlético partiu, de forma desesperada, para buscar o gol de empate e chegou a ter duas chances com Alecsandro, aos 41 e 42 minutos, mas desperdiçou as oportunidades.

Cuca ainda trocou o lateral Marcos Rocha pelo meia Rosinei, mas a a defesa do Vasco soube segurar a pressão. E o Vasco ainda marcou o segundo gol, aos 48 minutos, em arrancada de Abuda que invadiu a área mineira e mandou uma bomba, sem chances de defesa para Victor.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade