Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Atletismo/Bastidores - ( - Atualizado )

Jamaicana revela que estava com câncer quando venceu bronze olímpico

Londres (Inglaterra)

Medalhista de bronze no revezamento 4x400 m e quinta colocada nos 400 m rasos dos Jogos Olímpicos de Londres-2012, a velocista jamaicana Novlene Williams-Mills fez revelação surpreendente sobre a conquista.

Cerca de um mês antes do principal evento esportivo do mundo, a atleta foi diagnosticada com câncer de mama. Mesmo assim, ela decidiu embarcar para competir na capital inglesa.

“É um sonho de todo mundo correr em uma Olimpíada. Mas fiquei pensando nos obstáculos que enfrentaria e pensei se iria sobreviver. Minhas companheiras de revezamento não sabiam. Eu estava lá, de pé no pódio, sem saber se eu poderia voltar a correr um dia”, relata Novlene ao jornal inglês Daily Mail.

Após os Jogos, a jamaicana passou por mastectomia para reduzir as chances do câncer voltar. Saudável, conquistou a classificação para disputar o Campeonato Mundial de Atletismo de Moscou (RUS), em agosto.

“Ainda sou uma das principais corredoras dos 400m e vou ver o que ainda posso fazer. Estar em Moscou será um exemplo para todos os portadores de câncer de mama por aí. Quero que todos saibam que ainda é possível”, conclui.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade