Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Botafogo vence o lanterna Náutico e assume a liderança provisória

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo não encontrou muitas dificuldades para derrotar o Náutico por 2 a 0, em partida disputada na noite deste sábado, em São Januário. O resultado fez o time alvinegro assumir provisoriamente a liderança do Campeonato Brasileiro da Série A, com 16 pontos ganhos. O Náutico segue na última posição, com apenas 4.

Elias e Renato, no segundo tempo, marcaram os gols da equipe carioca. O time dirigido por Oswaldo de Oliveita foi superior ao adversário durante toda a partida e poderia até ter vencido por um placar mais dilatado. O Náutico entrou com uma formação defensiva, mas não foi capaz de segurar um rival de maior qualidade técnica.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Botafogo enfrentará rival o Flamengo, no Maracanã. O Náutico receberá o Internacional, na Arena Pernambuco.

O jogo - O Botafogo começou a partida no ataque e, logo aos quatro minutos, Seedorf descobriu Rafael Marques em ótima posição, mas o atacante finalizou errado e desperdiçou a primeira oportunidade. Escalado com três volantes, o time pernambucano mantinha uma posição defensiva e pouco se arriscava. O primeiro chute do Náutico só ocorreu aos 12 minutos, em conclusão de Rogério que não levou perigo.

O Botafogo continuou melhor na partida e voltou a criar situações difíceis para a defesa do Náutico, aos 14 e 16 minutos, em chutes de Rafael Marques e Vitinho. Aos 18, o ataque alvinegro fez grande pressão sobre a zaga do Timbu, e a bola acabou nos pés de Vitinho, que chutou em cima dos zagueiros e perdeu a oportunidade de abrir o marcador. Vitinho, aliás, era o atacante mais acionado e levava muita preocupação aos zagueiros.

Muito recuado, o time dirigido por Zé Teodoro seguiu comedido. Aos 25 minutos, o lateral esquerdo Eltinho conseguiu se desgarrar da defesa, ir até o fundo e cruzar para Marcos Vinicius cabecear, mas a bola saiu.

O Botafogo permaneceu controlando o jogo, e aos 27 minutos, Vitinho fez boa jogada e chutou. A bola bateu na zaga e voltou para o atacante alvinegro, que bateu novamente, mas a bola subiu. Aos 30, o atacante Rogério recebeu na entrada da área e chutou forte para boa defesa de Jefferson, a primeira do goleiro do Botafogo na partida.

Arte GE.Net
A equipe carioca encontrou dificuldades para abrir espaços na defesa pernambucana e, só aos 36 minutos, em cobrança de escanteio, voltou a ameaçar. Lodeiro cruzou na área. Dória chegou antes dos zagueiros, mas cabeceou sem qualquer perigo para o gol defendido por Ricardo Berna.

Aos 42 minutos foi a vez de Vitinho se livrar de dois marcadores, mas acabou desarmado quando tentou a conclusão. Logo depois, Rafael Marques não alcançou a bola cruzada por Gabriel, para irritação da torcida botafoguense no final monótono do primeiro tempo.

O Botafogo voltou para o segundo tempo com Elias no lugar de Vitinho. E Elias foi logo deixando sua marca, aos quatro minutos. O atacante recebeu lançamento de Rafael Marques entre os zagueiros e tocou na saída de Ricardo Berna, colocando o time alvinegro na frente no marcador.

Sem outra alternativa, o Náutico partiu para buscar o empate e enfim adiantou seus jogadores. Aos cinco minutos, Rogério chutou forte, e Jefferson defendeu sem problemas. Um minuto depois, a partida foi interrompida porque um cachorro invadiu o gramado e deu trabalho até ser apanhado pelo volante Rodrigo Souto e retirado de campo.

O Botafogo passou a administrar a vantagem, enquanto o Náutico tentava assumir uma postura mais ofensiva para buscar o gol do empate, mas não conseguia ultrapassar a marcação imposta pela equipe dirigida por Oswaldo de Oliveira.

Aos 17 minutos, o Botafogo quase ampliou. Elias recebeu na área, fez o pivô, e rolou para o zagueiro Dória bater colocado, mas a bola parou na trave. No minuto seguinte, William Alves por pouco não marcou contra ao tentar desviar um cruzamento.

O técnico Zé Teodoro colocou o atacante Olivera no lugar do meia Marcos Vinicius, em uma tentativa de aumentar a capacidade ofensiva da equipe pernambucana, mas o Botafogo continuava dominando as ações e quase ampliou aos 27 minutos, quando Seedorf fez cruzamento perfeito na cabeça de Elias. Ele desperdiçou o presente, mandando para fora.

O Botafogo chegou ao segundo gol aos 32 minutos. Lodeiro avançou pela lateral e cruzou na pequena área para entrada de Renato, que usou a cabeça para colocar a bola no canto direito do goleiro Ricardo Berna.

O Náutico não desistiu e quase marcou o primeiro gol aos 39 minutos. Hugo recebeu na frente de Jefferson e chutou. O goleiro defendeu parcialmente, e a bola sobrou para Auremir mandar a bomba, mas o botafoguense voltou a intervir, espalmando para escanteio.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade