Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Série B - ( )

Apesar de goleada, técnico do ABC elogia atuação contra o Palmeiras

Natal (RN)

Goleado por 4 a 1 pelo Palmeiras na última sexta, o ABC afunda cada vez mais na lanterna da Série B. Com meros dois pontos conquistados em oito partidas, o time está agora a nove do Oeste, primeiro fora da zona de rebaixamento.

Após os erros cometidos no Pacaembu, alguns jogadores do time potiguar se mostraram irritados com uma nova má atuação da equipe. O lateral Guto foi um deles: “O erro individual é o erro da equipe, estávamos trabalhando bem a posse de bola, mas toda hora esse vacilo? Todo jogo a gente dá o gol para os caras. Assim fica difícil”.

O atacante Pingo, recém-chegado ao clube também não se mostrou satisfeito e cobrou mais empenho do time: “Vai fazer o que? Eu estou com vergonha. A gente tem que tomar uma atitude logo para sair desta situação”.

Mas apesar do descontentamento dos jogadores, o treinador Waldemar Lemos causou surpresa ao ser perguntado sobre o que tinha achado da partida: “É claro que eu gostei do jogo. Principalmente dos primeiros 20 minutos. Infelizmente, como nos jogos anteriores, temos cometidos erros pontuais, o que tem dificultado bastante. Mas o momento é muito difícil, e a gente sabe que não é fácil enfrentar o Palmeiras no Pacaembu. Mas não tem problema. Consegui observar alguns pontos positivos nessa partida, e acredito que podemos reverter essa situação”.

O técnico criticou os repetidos erros individuais do elenco, mas mostrou confiança em reverter o atual momento: “A culpa de tudo o que vem acontecendo é nossa. Nós dominávamos o jogo até sair o primeiro gol do Palmeiras. E numa falha nossa. Mas isso acontece. Não vai ser fácil, mas o ABC vai sair da zona de rebaixamento. E pelas nossas mãos. Acredito muito no trabalho, e nós vamos reagir. Precisamos recuperar a autoestima dos nossos atletas e dar início à 'virada'”.

O ABC terá agora três partidas seguidas em casa para tentar sair da má fase. Nesta quarta, a equipe recebe o Goiás, em jogo de volta pela terceira rodada da Copa do Brasil. Já no sábado, o time enfrenta o Joinville, pela nona rodada da Série B.

Divulgação/ABC
Mesmo sofrendo goelada, técnico Waldemar Lemos defendeu a atuação da equipe e mostrou confiança no futuro

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade