Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Autuori não aparece em São Januário e deve deixar Vasco nesta terça

Rio de Janeiro (SP)

Paulo Autuori deu mais uma pista de que deseja trocar Vasco pelo São Paulo. Em jogo-treino contra o Bonsucesso, na manhã desta terça-feira, em São Januário, o técnico não apareceu, e o time foi comandado pelo auxiliar Jorge Luiz. A expectativa é a de que o clube confirme a saída do treinador em breve.

Marcado para as 9h30 (de Brasília), o amistoso atrasou em alguns minutos – neste tempo, o elenco, que se reapresentou após um dia de folga, teve reunião nos vestiários do estádio, provavelmente para decidir o que fazer enquanto a oficialização não acontece. A crise financeira do clube também está em pauta.

O Tricolor, interessado oficialmente em contratar Autuori, espera anunciá-lo “entre quinta ou sexta-feira”, como afirmou o vice-presidente de futebol João Paulo de Jesus Lopes. No entanto, o dirigente são-paulino não citou o nome de Autuori, já que o técnico ainda tem contrato com o Vasco.

As reuniões entre o presidente vascaíno, Roberto Dinamite, o diretor-técnico Ricardo Gomes e Paulo Autuori parecem não ter surtido efeito. Porém, a cúpula cruz-maltina ainda tem a ilusão de convencê-lo a permanecer em São Januário, mesmo com toda a polêmica envolvendo os atrasos salariais.

Marcelo Sadio/vasco.com.br
Jorge Luiz deverá ser o substituto temporário de Autuori, em rota de saída do Vasco
No último mês, Autuori aumentou o número de críticas à diretoria, enfrentando dificuldades com a grave crise financeira. Os vencimentos do grupo estão atrasados, e esta situação não tem perspectiva de melhora. Autuori reconheceu os esforços de Dinamite, mas determinou um prazo.

O ainda técnico do Vasco pediu para que os salários fossem depositados nas contas dos jogadores até julho, mas se irritou quando soube que a promessa do mandatário não havia sido cumprida. Depois da derrota para o Inter, por 5 a 3, neste final de semana, Autuori revelou que não estava “confortável”.

Para o clássico com o Flamengo, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro, o Vasco deverá ter à beira do campo o auxiliar Jorge Luiz – o auxiliar Renê Weber e o preparador físico Gilvan Santos, da comissão técnica de Autuori, também não compareceram às atividades desta terça.

O time de São Januário é apenas o 14º colocado da Série A, com sete pontos, apenas um a mais do que Criciúma, primeira equipe na zona de rebaixamento. O clássico está marcado para as 18h30 (de Brasília), no recém-inaugurado Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade