Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Bernard e Gilberto Silva destacam Galo sem reservas e motivado

São Paulo (SP)

Contrariando qualquer prognóstico, o Atlético-MG visitou o Corinthians na tarde deste domingo sem contar com os principais jogadores e mesmo assim venceu por 1 a 0 no Pacaembu. E o foco do time alternativo montado por Cuca mesmo às vésperas da final da Copa Libertadores da América foi muito elogiado por Gilberto Silva e Bernard.

“Estes jogadores têm um diferencial muito grande: garra, vontade e personalidade para ajudar o clube. E assim os objetivos estão cada vez mais próximos de serem conquistados. Uma vitória como esta, fora de casa, contra o Corinthians, dá um gás extra para enfrentar a decisão na quarta-feira”, destacou o experiente zagueiro, projetando o duelo com o Olimpia.

Para o jovem Bernard, a união do grupo não permite que a equipe que atuou diante do Timão seja tachada de reserva, ainda mais depois do bom desempenho. O garoto ainda lembra que o resultado conquistado na capital paulista pode ser essencial para o Galo voltar o foco ao Campeonato Brasileiro daqui duas semanas.

“A equipe mostrou, mais uma vez, que não existe time A e time B. Existe apenas um time, que é o A, um time que treina bastante. E, assim, conseguimos três pontos importantíssimos nesta competição”, exaltou o meia-atacante ainda no gramado do Pacaembu.

Suspenso da primeira partida com o Olimpia, Bernard foi um dos poucos a entrar em campo, ao lado do goleiro Victor, do zagueiro Réver e de Gilberto Silva, que pode aparecer entre os titulares quarta-feira. A promessa, no entanto, garante que entraria e daria o máximo em campo mesmo se estivesse escalado para a final.

“A felicidade de estar jogando futebol é coisa incomum para mim e eu quero estar sempre jogando não importa se eu estou cansado, se estou com lesão. Jogar futebol é o que Deus me deu de melhor e eu tenho sempre dar meu máximo”, afirmou a revelação de Vespasiano, que pode se transferir para a Europa após a Libertadores.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade