Futebol/Copa Libertadores da América - ( - Atualizado )

Cuca assume responsabilidade por revés e afirma: “Vamos reverter"

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Depois de uma primeira fase quase perfeita, o Atlético-MG começou a perder rendimento dentro de campo e teve muitas dificuldades para superar Tijuana-MEX e Newell’s Old Boys. Contra o Olimpia, no primeiro jogo da decisão, o Galo voltou a jogar mal, perdeu por 2 a 0, e vai confiar em novo milagre para chegar ao inédito título da América. O técnico Cuca assumiu a responsabilidade pelo resultado em Assunção.

"Não rendemos o suficiente. Quando a gente tem sete, oito que rende, as coisas ficam mais fáceis, mas não aconteceu isto. Foram vários jogadores que tiveram um desempenho irregular. A culpa é minha pela derrota. Obviamente, somos uma equipe, cada um assumindo sua parcela de responsabilidade e eu com a culpa maior pelo tropeço", afirmou.

Mesmo com o revés, Cuca segue acreditando no título atleticano e garante que os jogadores vão jogar a partida da vida no Mineirão, na próxima quarta-feira. O treinador deixa claro que o Galo não vai abrir mão da oportunidade de ser campeão da América, e se apega a religiosidade para reverter a vantagem conquistada pelo Olimpia.

"Na próxima partida, nós temos que fazer muito melhor. A gente não pode abrir mão do título, nós podemos até perder a Libertadores, mas nós vamos dar a vida no Mineirão. Não tem nada perdido ainda, nós vamos reverter. Tenho otimismo, eu tenho fé", declarou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade