Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Dois torcedores do Olimpia morrem após vitória sobre o Atlético-MG

Assunção (Paraguai)

Nem tudo foi festa após a vitória do Olimpia sobre o Atlético-MG, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira. Isto porque dois torcedores do time paraguaio morreram atropelados enquanto comemoravam o triunfo, válido pela primeira final da Libertadores, de acordo com a Radio Monumental.

As duas vítimas foram identificadas: Carlos Javier Palacios e Carlos Rodrigo Fleitas Franco, ambos de 23 anos de idade. O primeiro faleceu no local do acidente, enquanto o outro perdeu a vida no hospital. O motorista fugiu, mas se entregou horas depois – ele demonstrou estar embriagado.

Confronto: já a Radio Canal informou uma “batalha campal” entre torcedores do Olimpia e do Galo na cidade de Capiatá, a 16 quilômetros de Assunção. Paraguaios teriam armado uma emboscada aos ônibus atleticanos, que foram depredados. O brasileiro Bruno Augusto da Silva acabou fraturando a perna.

Irritados, os brasileiros, mesmo escoltados pela polícia local, teriam destruído 22 carros que estavam nas ruas. Até agora, ninguém foi preso. A justificativa dos torcedores do Olimpia foi a de que eles teriam sido agredidos anteriormente, antes do embarque alvinegro.

Na próxima semana, será a vez do Olimpia viajar para Belo Horizonte, onde decidirá o título da competição continental no Mineirão. Para reverter a desvantagem e ser campeão pela primeira vez, o Galo terá que vencer por dois ou mais gols de diferença.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade