Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Em 40% dos jogos no Independência Galo venceu por dois ou mais gols

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Apesar da derrota por 2 a 0 para o Newell's Old Boys, em Rosário, pela semifinal da Libertadores, o Atlético-MG segue acreditando na classificação para a final da competição. Um dos principais aliados do Galo para a virada é o estádio Independência. Invicto há 52 jogos como mandante, o Galo já conseguiu 21 vezes o resultado que precisa.

Em 14 oportunidades, o Atlético-MG venceu por três ou mais gols de diferença. Em outras sete, conseguiu o 2 a 0, resultado que levaria a disputa para os pênaltis. O clube bateu o recorde de mais jogos sem perder como mandante. Se levado em conta os 52 jogos de invencibilidade, em 40% das partidas, os atleticanos conseguiram o placar que mantém o clube vivo na Libertadores.

Os números motivam os jogadores do Atlético-MG a seguirem confiantes para levar o clube para a inédita final da Libertadores. "A mesma pressão que eles fizeram aqui, lá vai ser em dobro. Mais do que nunca, vamos precisar do apoio da torcida”, disse Ronaldinho Gaúcho.

O técnico Cuca também confia na classificação alvinegra, mas avisa que a vaga só vai chegar se o Galo impor o ritmo do jogo costuma fazer nas partidas no Horto. “Contra o Newell’s, não é um jogo de paciência, é um jogo de imposição, como fazemos em casa. Temos que descansar o pessoal no fim de semana e preparar tudo para quarta. Tem mais um jogo”, afirmou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade