Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Mundial Sub-20 - ( - Atualizado )

Gana exerce favoritismo e vence Iraque em decisão de terceiro lugar

Istambul (Turquia)

Na primeira das duas partidas do dia em Istambul, a seleção de Gana exerceu o favoritismo e venceu a revelação Iraque por 3 a 0 na decisão de terceiro lugar do Mundial Sub-20.

Arbitrados pelo brasileiro Sandro Meira Ricci, Gana e Iraque se mostraram bem dispostos a não voltar pra casa de mãos vazias e propuseram um futebol intenso e movimentado nos primeiros 45 minutos.

O Iraque dominou a partida e criou suas melhores chances pelo lado esquerdo, sempre nas costas do lateral-direito Salifu. Mas, sem conseguir concluir, o time asiático viu os "Estrelas Negras" saírem na frente no placar.

Aos, 35 minutos, em cobrança de escanteio pela esquerda, o goleiro Mohammed sai mal e Attamah antecipou a zaga iraquiana no primeiro pau, subiu mais que todos e cabeceando forte para abrir o placar.

Daí em diante, os africanos tomaram conta do jogo. E mais uma vez se mostraram efetivos, ao ampliar o placar em um dos últimos lances da primeira etapa.

Aos 45 minutos, em contrataque fulminante, Assifuah recebeu na direita, tirou do marcador na velocidade e chutou cruzado no canto direito do goleiro Mohammed. Esse foi o sexto gol do camisa 17 na competição, deixando-o na artilharia do torneio à frente do português Bruma e do espanhol Jesé, com cinco. O uruguaio Nico López e o francês Sanogo, com quatro gols cada, ainda podem supera-lo caso marquem dois ou mais gols na decisão de logo mais.

Com Gana administrando o resultado, a segunda etapa teve um Iraque ofensivo, buscando o empate mais na base da vontade e das jogadas individuais do que na organização tática. Mas, novamente, os asiáticos pecavam nas conclusões e não assustavam o gol de Ofori.

O ímpeto quase custou aos asiáticos mais um gol contra sua meta. Após um lançamento longo na esquerda Anabe tocou para Aboagye, que ficou cara a cara com o goleiro Mohammed. O goleiro venceu o embate, mas duas lambanças seguidas da zaga iraquiana quase determinaram o terceiro gol ganês.

Aos 31, Acheampong pela esquerda entrou na área, driblou dois tocou no meio da pequena área. A zaga iraquiana tirou o perigo em cima da linha, mas o grande momento do ala ganês viria pouco depois. Aos 33, Acheampong entrou pelas costas dos zagueiros iraquianos e recebeu belo passe do volante Aboagye. De frente ao gol, cortou pra esquerda e fuzilou o goleiro Mohammed. 3 a 0.

Com isso, o resultado ficou definido. Apesar da bela campanha, o até então invicto Iraque ficou com a quarta colocação, a melhor em todos os torneios Fifa disputados por uma seleção do país. Além disso, o time revelou grandes promessas para o futuro e que dificilmente devem permanecer no futebol iraquiano, como os meias Humam Tarik, de apenas 17 anos, e Ali Adnan, grande estrela da equipe.

Já Gana, um dos países mais vitoriosos em competições de categorias de base, campeã do torneio em 2009, mantém a tradição e leva para casa a medalha de bronze, fechando uma campanha onde superou equipes como Portugal e Chile.

AFP
Camisa 17, Assifuah comemora seu gol, o segundo de Gana, terceira colocada no Mundial.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade